Construir respeito e confiança numa criança ou jovem

Partilho contigo uma história japonesa que nos pode ajudar a ter uma outra atitude para com as crianças e os jovens.

Tudo tem uma meia medida e uma medida correta. Umas vezes é necessária uma ação que leve à correção, outras vezes, um exemplo pela atitude. Num momento em que a criança ou o jovem pensa que irá sofrer, a ação e a palavra correta poderá fazer mudar todo o curso da sua vida. Vamos ver uma história contada pela Mestre Miao Guang sobre uns jovens monges que são apanhados a regressar ao Mosteiro quando deviam estar a dormir.

O respeito e a confiança, pela compaixão

O Mestre de Chan Sengai apanhou os seus discípulos em flagrante por terem escapado do mosteiro à noite. Como lidou com a situação com compaixão e sabedoria?

Era uma vez um Mestre de Chan, chamado Sengai. Era um monge japonês da escola Rinzai. Embora a escola Rinzai seja conhecida pelos seus ensinamentos complexos e difíceis, o Mestre Sengai tentou torná-la acessível e compreensível para as pessoas. Como resultado, era conhecido pelos seus ensinamentos e escritos controversos.

O Mestre Sengai tinha muitos monges noviços como discípulos dos quais muitos eram jovens e ainda gostavam de se divertir. Frequentemente, após o culto noturno do Dharma, alguns dos noviços escapavam-se do mosteiro. Eles saíam pelo jardim dos fundos e escalavam as paredes de pedra. Como desfrutavam muito do tempo que passavam do lado de fora, costumavam retornar muito pouco antes da meia-noite.

Uma noite, enquanto caminhava pelo templo, o Mestre Sengai foi até ao jardim dos fundos e notou que havia uma cadeira colocada contra a parede. Imediatamente soube que alguém havia escapado. Silenciosamente, retirou a cadeira e ali ficou, simplesmente à espera.

Quando o tempo se aproximava da meia-noite, o Mestre Sengai ouviu sussurros ao longe. Quando os sussurros se aproximaram da parede do mosteiro, o mestre Sengai reconheceu as vozes dos seus monges noviços, que regressavam ao mosteiro após o passeio noturno. O primeiro monge noviço subiu cuidadosamente a parede. Familiarizado com a sua rotina noturna, sabia exatamente onde se abaixar e esperava colocar os pés na cadeira que havia deixado lá mais cedo naquela noite.

O monge noviço pensou consigo mesmo: “Hmmm … algo está bastante estranho hoje, por que a cadeira parece macia e suave?” Agora muito curioso, ele olhou para baixo: “Oh não! São os ombros do nosso mestre!” disse em choque.

Um a um, os monges noviços desceram pela parede, desta vez confiando nos ombros do Mestre para regressar em segurança. Estando envergonhados, todos ficaram em frente ao mestre, totalmente sem palavras. O Mestre Sengai olhou para cada um deles com compaixão e disse: “É tarde, vamos apressar e aquecer-nos antes que todos vocês se constipem.”

A partir de então, nenhum dos monges noviços ousou sair do mosteiro novamente. Além de dizer aos noviços que voltassem, o Mestre Sengai nunca mais falou com eles sobre o incidente, nem repreendeu os monges pelo que fizeram.

Esta história destaca que podemos ensinar lições a alguém com compaixão e sabedoria. Aqui, o Mestre Sengai não advertiu os monges noviços por terem escapado. Ao invés, agiu com compaixão. Sabendo como eles reagiriam se os repreendesse. E a resposta dele: “É tarde, vamos apressar e aquecer-nos antes que todos se constipem.” foi muito mais eficaz a dar a lição que realmente eles precisavam. Se Sengai tivesse repreendido e punido, talvez não tivesse sido tão eficaz. Este é um bom exemplo para os pais e professores sobre como podemos ensinar os nossos filhos.

Na escola Chan, existe uma forma bastante profunda de ensinar, que é “não falar muito claramente”. Como pais, essa pode ser uma boa forma de educar os filhos. É importante pensar na auto-estima e dignidade das crianças. Não devemos gritar ou falar com um discurso ofensivo e severo como: “és palerma!” ou “és inútil!” Se dissermos tais palavras duras, as crianças ficam sem dignidade e podem até nutrir sentimentos de ressentimento e incompetência. Isso também pode certamente afetar a sua auto-estima e comportamento futuro. Da mesma forma, como professores, os alunos também precisam ser respeitados. Portanto, comentários ofensivos como “não és inteligente o suficiente” ou “és tão estúpido” ou “nunca serás bom” são prejudiciais a longo prazo, pois os estudantes perdem a confiança e lutam para melhorar.

Para que as crianças tenham auto-respeito e auto-confiança, devemos respeitar a sua dignidade e auto-estima, ter fé nelas, assim como amar e cuidar delas. Isso as ajudará no seu processo de aprendizagem e crescimento, e eles definitivamente melhorarão. A educação é muito importante nas nossas vidas. No entanto, o método usado na educação é igualmente importante. Às vezes, uma palavra ou ação não intencional pode ter um enorme impacto na mente e no bem-estar de alguém. Como não podemos ter cuidado com isso?

Na realidade, sempre há razões profundas por detrás do comportamento dos nossos filhos. Fundamentalmente, educá-los exigirá mais do que apenas tocar a superfície, mas devemos, em primeiro lugar, perguntar e considerar quais são as suas verdadeiras intenções, incluindo as que muitas vezes estão ocultas.

Valoriza as pessoas pelo seu conhecimento,
Não pela sua aparência.
Valoriza as pessoas pelas suas vontades e aspirações,
Não pelo seu conhecimento.

Ven. Mestre Hsing Yun

Poderás ler outras dicas para ajudar as crianças no livro Reiki para Crianças e Pais

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to dFlip 3D Flipbook Wordpress Help documentation.

O que fazer em tempo de emergência COVID-19
  • 21 dias de Prática e Renovação
  • Missão de cada praticante
  • Sentir mal ao enviar Reiki
  • Gerir a ansiedade
  • Cinco dias sem medo
  • Meditação para a Compaixão
  • Aplicar Reiki aos filhos
  • Reiki em animais
  • Responsabilidade, Respeito e Resiliência

  • O CENIF reabrirá a partir do dia 6 de Junho, mantendo todas as regras de segurança da DGS e seguindo passo a passo as indicações de desconfinamento e regresso à atividade.
    Segue o Podcast
    Outros Cursos
    Categorias de Artigos
    Recebe a newsletter

    Categorias
    Newsletter

    Comments
    All comments.
    Comments

    Deixe um comentário

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.