O Tao do Reiki

Descobrir, Desenvolver e Crescer com Reiki

Category: Nível 1 Shoden (Page 1 of 3)

Envio de Reiki para o planeta por praticantes de nível 1 de Reiki

Se és praticante de nível 1 de Reiki, não penses que te escapas de enviar Reiki para o planeta. Apesar da técnica de envio de Reiki ser do segundo nível, também tu podes fazer um envio simples.

O envio de Reiki para o planeta através do nível 1 de Reiki

Sendo praticante de nível 1 de Reiki estás habituado a colocar as mãos, em toque ou afastadas do corpo, na tua prática de Reiki. Então, o envio de Reiki para o planeta pode ser através da relva, de uma planta em contacto com o solo ou uma árvore. Por exemplo:

  1. Coloca as mãos encostadas a uma árvore;
  2. Liga-te à energia e pede para Reiki fluir para a harmonia e equilíbrio do planeta;
  3. Deixa a energia fluir pela árvore, preenchendo-a por completo;
  4. Depois, visualiza que da árvore, a energia Reiki é emitida para todo o planeta, trazendo paz e serenidade;
  5. Lembra-te e recita também os cinco princípios para o planeta, como se vibrassem em todo o planeta;
  6. Quando quiseres terminar, agradece.

O envio de Reiki para o planeta como meditação

Se quiseres, podes ainda fazer uma pequena meditação que servirá como envio de Reiki:

  1. Liga-te à energia;
  2. Recita os cinco princípios;
  3. Imagina que a Terra está entre as tuas mãos;
  4. Pede para a energia fluir para a harmonia e equilíbrio do planeta;
  5. Deixa fluir o tempo que queiras, visualizando todo o planeta brilhante;
  6. Quando quiseres, termina agradecendo.

Já sabes, não te esqueças de antes e depois da prática de realizares as técnicas de limpeza – o enraizamento, banho seco e chuva de Reiki.

Desde o primeiro dia que és praticante de Reiki, que em ti está uma grande responsabilidade, também para com o planeta. Neste momento, ele precisa de ti.

Autotratamento Reiki – uma posição por dia

Ao fazeres o teu autotratamento Reiki diário, poderás ter grande tendência para adormecer, principalmente se o fizeres à noite e deitado. Se é o que te costuma acontecer, então podes adotar uma estratégia que é também interessante para outros casos – fazer uma posição por dia.

Uma posição por dia no teu autotratamento Reiki

Podes usar esta técnica muito simples no caso de quereres desenvolver mais o teu autoconhecimento, sensibilidade da energia ou apenas porque estás a adormecer no autotratamento.

Então é bastante simples, irás focar-te apenas numa posição por dia e podes fazer o seguinte:

  1. Faz as técnicas de limpeza – enraizamento, banho seco, chuva de reiki;
  2. Esvazia a mente;
  3. Recita os cinco princípios e deixa fluir a energia;
  4. Começa pela primeira posição ou pela posição onde terminaste;
  5. Como te vais dedicar só a uma posição experimenta primeiro sentir como está essa parte do corpo;
  6. Experimenta afastar ou aproximar as mãos para veres como sentes melhor a energia;
  7. Limpa a zona de alguma energia em desequilíbrio;
  8. Deixa fluir Reiki para a zona.

E pronto, se adormeceres, não faz mal.

Se por alguma razão o autotratamento trouxer algo ao de cima que te sintas desconfortável, aplica novamente o banho seco.

O que aplicar no nível 1 de Reiki

O nível 1 de Reiki é o mais importante de todos os níveis do Usui Reiki Ryoho, pois é a fundação de toda a prática e é aquele que nos traz a maravilha da descoberta de novas formas de sentir, pensar e agir, connosco e com os outros. Com o nível 1 de Reiki irás aprender a filosofia de vida assente em cinco princípios, compreenderás o que é a energia, como a sentir e como aplicar em ti mesmo. Mais ainda, irás começar a aplicar a energia aos teus familiares próximos, a animais, plantas, comida, etc…

As aplicações de Reiki no nível 1

São várias as aplicações que poderás fazer da energia universal, com o teu nível 1 de Reiki. Não procures já tentar tratar outras pessoas que não estão próximas a ti pois isso irá requerer mais prática e desenvolvimento, principalmente com o nível 2 de Reiki. Mas, tens várias opções que te ajudarão a compreender melhor o byosen, ou seja, a emanação da desarmonia, numa pessoa ou objecto:

Animais

Caso tenhas animais ou te encontres com animais, podes sempre experimentar aplicar-lhes Reiki. Toma nota que eles são como nós, uns querem receber e outros não, por isso não te preocupes. Há até pessoas que têm dois gatos e um adora receber e o outro não gosta.

Podes aplicar Reiki em qualquer espécie animal, desde cães a lagartos, vacas a peixes. Não tem limite. Não te preocupes muito com as posições pois assim que colocares as mãos, o animal irá colocar-se na posição que mais precisa. Quando o animal achar que já está, então ele poderá ir embora. É quase como as crianças.

Plantas

Podes também aplicar Reiki às plantas, o que traz experiências incríveis e uma maior comunhão com a natureza. Pensa que tudo é energia e que muitas vezes apenas poluímos o planeta com a nossa energia densa. Ao enviares Reiki para as plantas, árvores, água, etc… estarás a cuidar da Terra, que durante tanto tempo cuida de ti.

Comida

Podes também deixar fluir Reiki para a comida. Para isso, basta apenas colocares as mãos em cima, sem tocar. Assim como podes fazer Reiki à água que bebes. Lembra-te apenas de um pormenor, como estás a carregar com energia, poderás acabar por comer menos, só que isso implica que talvez não estejas a ingerir o que é necessário para o teu dia-a-dia. Reiki na comida ajuda a harmonizar a energia, principalmente por transferência de quem a esteve a fazer.

Familiares mais próximos

E chegamos à parte de poderes fazer Reiki a outros. Com o nível 1 é aconselhado que apenas faças Reiki aos teus colegas de curso, aos familiares que moram contigo ou convivem contigo e a amigos muito próximos. Isto porque já estás habituado à energia deles e o efeito do seu byosen poderá não ser tão intenso em ti. Não te esqueças de fazer as técnicas de limpeza antes e depois – enraizamento, chuva de Reiki e banho seco.

Como vês, com o nível 1 de Reiki tens imensas oportunidades para trabalhares a energia universal, sem ser apenas no teu autotratamento. Não te esqueças também daquilo que faz de ti um praticante de Reiki – os cinco princípios.

Repeti o nível 1 de Reiki mas poderei continuar a fazer os símbolos do nível 2?

Se és praticante de Nível 2 e decides repetir o Nível 1 de Reiki há algumas questões que podem surgir para o teu retomar da prática.

Perguntas e respostas para o regresso à sintonização do nível 1 de Reiki

Alguns praticantes decidem regressar ao nível 1 de Reiki quer seja por terem ido pouca prática, por já não estarem dentro do ritmo da prática há muito tempo, ou até mesmo para revalidar os novos conhecimentos e técnicas que hoje em dia se praticam, não só no dia do curso mas também nos workshops de acompanhamento. Estas são algumas das questões comuns que surgem.

Como devo fazer o autotratamento?

Aproveita este momento que reinicias o teu processo de aprendizagem e ligação à energia e pratica o autotratamento como sendo o nível 1 de Reiki.

Será que posso continuar a usar os símbolos do nível 2?

Sim, para todos os efeitos, os símbolos fazem parte de ti e podes usar nas tuas mais diversas situações e mesmo para meditação.

Sei que este neste sistema de Reiki os símbolos de nível 2 serão diferentes, quais devo aplicar?

Espera pelo momento de reiniciares o nível 2 e depois verifica quais te fazem mais sentido. No entanto, sempre que estiveres em práticas conjuntas nas aulas, aplica aqueles que aprendeste no novo nível 2. Lembra-te que ao longo dos tempos os símbolos foram tendo mudanças e nem se percebe bem porque. Se aprenderes a fazer os símbolos originais, experimenta praticar esses, possivelmente será diferente.

Posso enviar Reiki à distância?

Sim, podes continuar a fazer as técnicas de envio de Reiki à distância, no entanto, não te esqueças dos passos fundamentais de limpeza e preparação.

Posso aplicar Reiki a outras pessoas?

Se tiveste muita prática no nível 1 de Reiki e nível 2, sim. Se não tiveste muita, faz as práticas nas aulas e depois tenta ir aplicando a pessoas mais próximas para desenvolveres a tua percepção, o byosen, e compreenderes de que forma lidas com a energia da outra pessoa.

Iniciei o nível 1 de Reiki e agora?

Parabéns por teres iniciado o teu nível 1 de Reiki – Shoden, que em japonês significa os primeiros ensinamentos. Este é o momento da tua mudança consciente, seguindo os ensinamentos do Mestre Usui. Ele dizia que “a missão do Usui Reiki Ryoho é guiar para uma vida pacífica e feliz…” e que Reiki é “para a melhoria da mente e do corpo“, sendo a “Arte Secreta de Convidar a Felicidade“. Com estes ensinamentos tão profundos, percebemos que a nossa prática não se fica por um só dia, mas que é um projecto de vida.

Progresso no nível 1 de Reiki

Assim que começas a praticar, surgem-te dúvidas, o que é muito positivo. A dúvida significa que estás a desenvolver a técnica e para isso precisas também ir a workshops para validares o que estás a sentir e fazer. No entanto, em casa e no teu dia-a-dia, há muitas coisas que podes ir fazendo que te ajudarão neste caminho para uma vida mais feliz e pacífica.

Filosofia de vida

A prática dos cinco princípios, segundo o Mestre Usui, é feita de manhã e à noite, com as mãos em gassho. Os cinco princípios são uma ferramenta tão positiva para a nossa mudança de consciência e forma de estar na vida, que podes aplicar a sua sabedoria em todas as tuas questões, reflectindo de que é que reages perante as situações. Mesmo no teu trabalho, um minuto de silêncio a recitar os princípios, pode trazer-te alívio do stress e bem-estar interior, que poderá também ser benéfico para os outros. Por isso mesmo, vale a pena recitar, de mente e coração:

Só por hoje,
Sou calmo,
Confio,
Sou grato,
Trabalho honestamente,
Sou bondoso.

Aproveita e lê também os poemas do Imperador Meiji, eles irão ajudar-te numa reflexão mais profunda e a compreender as situações perante outras perspetivas. Pode encontrar todos os poemas em Reiki Guia para Uma Vida Feliz.

Autotratamento

A prática de autotratamento irá ajudar-te a compreender como estás energeticamente e a trazer mais harmonia e equilíbrio para todo o teu corpo físico, mental e emocional. Podes fazer a qualquer hora do dia e até mais do que uma vez. Se adormeceres, no dia seguinte, experimenta começar nessa posição e continuar para baixo. Não te esqueças de antes de fazer o autotratamento realizares as três técnicas:

  • Enraizamento;
  • Banho seco;
  • Chuva de Reiki.

Sempre que necessário mantém o enraizamento para escoar a energia mais densa. Se sentires tensão interior, inspira profundamente e manda fora pela expiração e enraizamento. Trata também outras partes do corpo que te estejam a incomodar o pedir, o autotratamento Reiki não é rígido.

Quando terminares os 21 dias, continua a tratar-te. Pode ser 3 vezes por semana ou menos consoante a forma como estás. Sempre que queiras, repete a rotina dos 21 dias, será muito positivo para ti. Se tiveres alguma questão em determinada posição, experimenta também recitar os cinco princípios. Se sentires necessário, podes aplicar o banho seco e a chuva de Reiki depois do autotratamento.

Técnicas

Ao longo do nível irás aprender várias técnicas para o teu desenvolvimento, daí ser importante tu participares nas aulas. Desde o desenvolveres o byosen, a praticares técnicas de desintoxicação e transformação do pensamento, terás muito tempo para vivenciar este nível 1 de Reiki que é tão profundo e transformador. Para as técnicas tens ainda as cartas técnicas Reiki para o Corpo e a Mente, que de forma ilustrada te ajudam a criar programas de trabalho.

Podes aplicar as técnicas antes, durante ou depois do autotratamento.

Que livros estudar?

Felizmente existem muitos livros que te podem guiar como os da Penelope Quest, Johnny De’ Carli, Frank Arjava Petter, entre muitos outros. Se quiseres, podes também ler os seguintes, cujos conteúdos são todos diferentes e um complemento para o teu crescimento no Reiki:

o-grande-livro-do-reiki

O Grande Livro do Reiki

Manual prático para todo os níveis de Reiki e preparação de passagem para cada nível.

reiki-guia-para-uma-vida-feliz

Reiki Guia para uma Vida Feliz

A filosofia de vida no Reiki, meditação e a sabedoria do Usui Reiki Ryoho, para todos os níveis.

reiki-para-o-corpo-e-a-mente

Reiki para o Corpo e a Mente

Cartas técnicas e livro explicativo de como aplicar técnicas, autotratamento e filosofia de vida diariamente

mikao-usui-vida-feliz

Adormeces no autotratamento Reiki – não te preocupes!

Se costumas adormecer ao fazer o teu autotratamento Reiki, não te preocupes, isso é normal e até é bom. Adormecer no autotratamento indica que encontraste harmonia e relaxamento, que a energia ajudou-te a teres paz interior e conforto.

Adormecer no autotratamento Reiki, como continuar?

Os 21 dias de autotratamento representam um período de mudança, harmonia e crescimento. Este crescimento representa a tua capacidade de te autocuidares, sentires a energia e elevares a consciência com os cinco princípios.

No caso de adormeceres, não há problema algum. Geralmente acontece no chakra cardíaco ou no plexo solar. Não te preocupes.

No dia a seguir, voltas a fazer de novo. Se adormeceres, no outro dia, começa pela posição onde adormeceste. Assim poderás fazer todas as posições e perceber onde o teu corpo possa estar em desequilíbrio.

Um truque para te manteres acordado é não te deixares ir com o fluxo da energia, para o interior do corpo. Podes também inspirar com um pouco mais de intensidade, para que o ar se renove e a respiração não baixe tanto. Mas se adormeceres, não tem problema algum.

É claro que o autotratamento requer disciplina, mas também alegria e discernimento com a prática.

Não tem também problema algum parares um dia ou dois para tentares perceber o que se passa contigo, sem fazeres autotratamento. Praticar Reiki vale a pena!!!

Mapa A3 de autotratamento Reiki

Mapa A3 de autotratamento Reiki

Manual de Reiki para invisuais

A Associação Portuguesa de Reiki desenvolveu um Manual de Reiki para apoio a invisuais. É um manual de Reiki nível 1, simplificado de forma a poder ser lido pelo computador, sem imagens e também simplificado para se poder enquadrar em todos os sistemas de Reiki.

É um manual sem pretensões, apenas se deseja auxiliar da melhor forma possível os Mestres de praticantes invisuais ou, individualmente os invisuais que pratiquem Reiki.

Caso tenham propostas de melhorias ou o possam passar para Braile, por favor, contactem-nos.

Os associados, podem aceder ao manual, na nossa biblioteca de Reiki online…

Regressa à prática de Reiki com bondade

Regressar à prática de Reiki pode ser um desafio que pode trazer um misto de dúvida e incerteza. Não te preocupes, vamos retomar a prática de Reiki com bondade. Vamos seguir seis passos muito simples que te auxiliarão na tua prática.

Se já tiveres nível 2 ou 3 mas paraste durante algum tempo, retoma a tua prática começando pelo princípio – o nível 1. Depois sim, vai recomeçando as práticas dos outros níveis.

Os princípios

Começa por centrar-te nos princípios. Traz à tua consciência cada um deles e lembra-te – é só por hoje!

  1. De manhã, coloca as mãos em gassho;
  2. Esvazia a mente;
  3. Leva a tua atenção até ao tanden;
  4. Recita cada princípio calmamente, como se ecoasse em cada célula do teu corpo;
  5. Quando terminares, deixa-te estar um pouco com esta vibração;
  6. Agradece.

Leva os princípios para as tuas questões diárias e vê de que forma os princípios te podem trazer sabedoria e paz.

A meditação

Só por hoje lembra-nos que podemos, que devemos viver o momento presente. Isto não quer dizer que não devemos planear o futuro e colocar metas, mas sim que devemos fazer a vida com uma consciência do presente.

Pratica a meditação para esvaziar a mente, é simples e poderás fazê-lo em qualquer lado, em qualquer momento. Experimenta desenvolver uma prática de 15 minutos e depois aplica a meditação várias vezes por dia, em curtos períodos, para que possas conseguir lidar com a pressão quotidiana.

Restaurar a energia vital

No Reiki temos uma técnica extraordinária – o Joshin Kokyu Ho, que nos auxilia a restaurar e reciclar a energia vital. Conjuga o Joshin Kokyu Ho com a meditação da mente vazia.

O autotratamento

Tenta perceber qual será a melhor altura para fazeres o autotratamento. Para uns é de manhã, antes do dia de trabalho, para outros ao final do dia de trabalho

  • Começa por fazer o autotratamento com todas as posições, conforme indicadas no teu curso;
  • Vai depois desenvolvendo uma percepção de onde necessitas de mais energia e vai colocando as mãos nos locais onde também sentes que deves tratar mesmo que não estejam nas posições;
  • Não te esqueças de ir fazendo o enraizamento, para que a energia circule e qualquer excesso seja escoado.

O sentir

A prática do byosen é o que nos permite distinguir o feedback da energia onde as nossas mãos estão. Experimenta em ti e nos outros, vai-te divertindo com essa prática aproximando ou afastando as mãos, ou a mão, para que sintas as diferenças. Podes também experimentar em plantas, animais e mesmo objectos inanimados. A ideia é mesmo desenvolveres uma maior afinação com a percepção da energia.

A revisão

Depois desta tua retoma na prática, volta a ler o teu manual de Reiki. Toma apontamentos das questões que tenhas agora ou mesmo daquelas que te fizeram parar no momento. Se quiseres, lê também em O Grande Livro do Reiki o capítulo correspondente ao nível que estás a retomar. Coloca as questões ao teu Mestre de Reiki e procura participar activamente no acompanhamento e partilhas que possa ter. Aplica Reiki diariamente em todos os aspectos da tua vida, lembrando-te dos cinco princípios.

Vale a pena praticar Reiki!!!

Não te julgues, sê bondoso contigo mesmo, pratica com disciplina e alegria.

7 passos para te iniciar no Reiki

Se de alguma forma te queres iniciar no Reiki e no que representa, então muitos parabéns, estarás a entrar num caminho para a felicidade. Reiki é para todos, qualquer pessoa pode aprender, irás ver que o Usui Reiki Ryoho, o Método de Cura Natural criado pelo Mestre Usui é simples.

Esta prática vai trazer-te uma filosofia de vida transformadora, assente em cinco princípios e uma prática terapêutica, que em primeiro lugar será para ti. Se vais percorrer o caminho da Arte Secreta de Convidar a Felicidade, então prepara-te com sete passos muito simples:

1 – Estado de espírito

Para receber Reiki não é preciso um estado de espírito, uma predisposição, como dizia o Mestre Usui, mas para praticar Reiki, precisas de o ter. Isto quer dizer que precisas desenvolver aquilo que se chama de mente de aprendiz, ou seja, que estarás receptivo, com mente vazia.

2 – Compreende o que é Reiki

Tenta compreender o que é Reiki, não te deixes comprometer por mistificações, pesquisa e estuda. Podes ler em O Grande Livro do Reiki, online, um pouco sobre o que é Reiki. Já sabes que Reiki nada tem a ver com religião ou crenças – trabalhamos com energia e com o desenvolvimento de uma filosofia de vida que é composta por valores universais.

3 – Assume o teu compromisso com o que queres atingir

Qual o teu objectivo com Reiki? O que queres fazer com esta prática?

Colocar estas questões será importante para ti e irá ajudar-te ao longo do caminho. Irá também fazer sentido para o teu Mestre porque assim poderá orientar-te melhor.

4 – Pratica os princípios – integra Reiki na tua vida

Mesmo antes de iniciares o teu nível 1 de Reiki, podes já começar a praticar os cinco princípios e a compreender a filosofia de vida no Reiki.

5 – Escolhe um mestre

Escolher um Mestre de Reiki pode ser feito de várias formas e só a ti poderá fazer sentido. Ao escolheres um Mestre de Reiki podes querer ver situações como:

  • Que acompanhamento tem o curso e o que é oferecido como parte do curso;
  • A localização;
  • As condições;
  • A experiência;
  • A afinidade que sentes com o Mestre;
  • Se já tens amigos a frequentar o curso;
  • Etc…

Para uns um Mestre de Reiki pode ser excelente e para outros não, por isso, só tu podes decidir e sentir o que é melhor para ti.

6 – Prepara-te para te sintonizares

A sintonização é um processo, no Reiki, que te ajudará a trabalhar com a energia universal (Reiki). Ao trabalhar o teu canal energético, a energia poderá “pedir-te” alguma desintoxicação, portanto, se a fizeres antecipadamente, poderá ser tudo mais simples. Podes experimentar fazer o seguinte:

  1. Reduz o consumo de carne vermelha, doces e estimulantes. Não precisas retirar, mas podes reduzir;
  2. Tenta descansar e beber bastante água, se te for confortável;
  3. Quando puderes, retira 10 a 15 minutos para ti e tenta esvaziar a tua mente – é meditar um pouco, irá ajudar-te muito no Reiki. Caso não possas, não faz mal, irás aprender a meditar;
  4. Se quiseres, pratica também o enraizamento e o banho seco, podes fazê-lo mesmo sem ter Reiki.

7 – Entrega-te com mente e coração

Finalmente, vai para a tua prática de Reiki com mente e coração. Sem expectativa, mas com consciência de que este é um caminho para a tua felicidade. É simples, mas requer disciplina e entrega. Será muito positivo para ti. Quando nos entregamos de mente e coração, tudo faz muito mais sentido.

só por hoje Reiki é fixe

 

Como passares do nível 1 de Reiki para o nível 2

O nível 1 de Reiki é a pedra basilar, é a fundação de todo o Usui Reiki Ryoho. Este é um nível incrível de autodescoberta. Não só irás trabalhar com a energia para o teu equilíbrio como também com os princípios que são a nossa filosofia de vida.

Ao receberes a sintonização irás iniciar um processo de 21 dias de autotratamento que representam a manutenção do canal energético e o entendimento das zonas em ti que necessitam de equilíbrio. Quando terminaste de fazer os 21 dias de autotratamento não terminaste o teu nível 1 de Reiki pois há ainda muito a trabalhar.

Após a tua experiência com o autotratamento, trabalha bem o byosen. Tenta compreender o que a energia te transmite e de que forma precisas tratar essa zona. Este é um trabalho de desenvolvimento da intuição que poderás também fazer com o Reiji-ho.

Sempre, todos os dias, pratica os cinco princípios. Reflecte as tuas questões de vida nestes cinco princípios e vê de que forma podes mudar para que a tua vida seja cada vez mais feliz.

Compreende a importância da tua limpeza energética, com as técnicas do banho seco e chuva de Reiki. Lembra-te também da tua revitalização com o Joshin Kokyu Ho.

Passar do nível 1 de Reiki para o nível 2

Lembra-te do que o Mestre Usui dizia sobre o seu Usui Reiki Ryoho:

A missão do Usui Reiki Ryoho é guiar para uma vida pacífica e feliz, curar os outros, melhorar a sua felicidade e a nossa.

Então, ao passares de nível de Reiki lembra-te deste lema e reflecte de que forma a tua prática na fundação do Reiki te auxiliou a crescer. Depois desta revisão, podes ainda fazer:

  • 21 dias de autotratamento, novamente, para equilibrares o teu canal energético;
  • Avaliar a tua capacidade de sentir a energia com muita prática do byosen;
  • Lembrar a necessidade de desapegar das situações, hábitos e comportamentos nocivos;
  • Revisitar todas as técnicas do nível 1.

Em O Grande Livro do Reiki podes encontrar um programa de cinco dias que te irão auxiliar na tua preparação, é como uma revisão e tomada de consciência para o teu próximo nível. Em Reiki Guia para uma Vida Feliz, terás também o aprofundar das atitudes a alcançar e novas formas de realizares o teu autotratamento, com técnicas para a elevação da consciência e equilíbrio energético. Experimenta praticar os 10 dias de desintoxicação que lá estão publicados na página 353.

Bem vindo à Arte Secreta de Convidar a Felicidade

Em 1922, o Mestre Usui teve uma ideia muito própria para convidar a felicidade – através de uma energia universal, ele conjugou preceitos que nos levam à melhoria do corpo e da mente. O seu método, o Usui Reiki Ryoho é então a Arte Secreta de Convidar a Felicidade – é um método de cura natural, com uma base de filosofia de vida.

Se vais aprender Reiki ou se estás a reavaliar a tua prática de Reiki, então observa o Usui Reiki Ryoho como algo além de colocar as mãos e deixar passar energia – vê como um método transformador da tua vida. Cada dia de prática, cada nível, é uma oportunidade de crescimento incrível. Não representa um certificado ou um estatuto mas sim um caminho para que possas ser mais feliz, para que possas convidar a felicidade e assim ajudar outros a também serem felizes.

Reiki também nos ensina e olhar por nós. Não é egoísmo, é sabedoria. Tantas situações se evitariam se não buscassemos situações em desequilíbrio. Procuramos aprovação ou poder e quando não o temos, sentimo-nos mal, vingamo-nos, indignamo-nos. Isso de nada serve e por isso mesmo temos cinco princípios a serem praticados neste momento presente:

Só por hoje, sou calmo, confio, sou grato, trabalho honestamente, sou bondoso.

Como praticar a Arte Secreta de Convidar a Felicidade

  • Aplica os cinco princípios às tuas questões pessoais;
  • Faz ocasionalmente uma reflexão com os poemas do Imperador Meiji;
  • Descobre como está o teu corpo energético praticando o Reiji-ho;
  • Faz o autotratamento com alguma frequência; Trata localmente as situações que tenhas e, ocasionalmente, repete os 21 dias de autotratamento;
  • Pratica as técnicas que te são ensinadas, principalmente na perspetiva de as aplicar no teu dia-a-dia;
  • Une-te cada vez mais à energia e compreende o sentido daquilo que te rodeia;
  • Medita com Reiki – esvazia a mente para que o teu coração se preencha;
  • Promove a harmonia em ti e nos outros;
  • Sabe levar as coisas com tempo. Não queiras correr para ter certificados ou estatuto mas pensa como tu podes crescer com Reiki;
  • Descobre as tuas questões com alegria, tomaste consciência das situações e como tal podes resolvê-las ou pedir ajuda para as tratar.

Estes são apenas alguns exemplos, muito mais aprenderás nas tuas aulas, na partilha com os teus colegas e na vivência diária. Leva Reiki para a tua família, para o teu emprego. Não precisas apregoar o que fazes mas o teu comportamento, a tua mudança de atitudes é que será realmente valorizada. É por isso que Reiki é a Arte Secreta de Convidar a Felicidade – é interior, tu podes mudar.

Se te perguntarem o que é Reiki? Podes indicar que é um método para a melhoria da mente e do corpo (shin shin kaizen), é a arte secreta de convidar a felicidade. É uma prática terapêutica e uma filosofia de vida.

Quanto tempo de autotratamento Reiki

Fazer o autotratamento Reiki tanto pode ser super relaxante como pode ser algo penoso pelo tempo que se demora. A questão do tempo vem-nos sempre à ideia – quanto tempo devo demorar para fazer o autotratamento Reiki completo?

A resposta mais “correcta” de todas é – o tempo que for necessário.

O tempo do autotratamento Reiki

O autotratamento é um momento em que estamos a cuidar de nós. Em primeiro lugar “purificamos” a nossa energia através do banho seco e da chuva de reiki, mantendo o enraizamento em mente para quando for necessário descarregar algum excesso de energia.

Ligamo-nos à energia e recitamos os cinco princípios.

Depois, colocamos a nossa intenção e podemos perceber como estamos ao nível do desequilíbrio energético com o reiji-ho.

Fazemos as nossas posições e ainda podes acrescentar mais, dependendo das tuas necessidades. Sente a energia que sai das tuas mãos ou sente o que se passa interiormente no teu corpo (depende de pessoa para pessoa). Se quiseres, experimenta colocar as mãos junto ao corpo ou afastadas, para perceberes de que forma sentes melhor a energia e o efeito que tem em ti. Quando deixares de sentir energia a fluir, podes passar para a próxima posição.

Passar para a próxima posição, além do deixar de sentir a energia fluir, poderás ainda sentir algo como “já não é preciso mais”, ou que “não sai mais das mãos”.

Irás notar que numas posições és capaz de estar 30 minutos e noutras 2 minutos, isso acontece porque as zonas que mais precisam fazem com que a energia flua mais para elas, daí a importância de te deixares estar à vontade no autotratamento.

Fazer o autotratamento Reiki seguindo as músicas com sininhos que tocam de 2 em 2 ou de 3 em 3 minutos, também está correcto. Ajuda-te a ocupar a mente e a não te preocupares com “quando é que mudo de posição?”. Reiki é também predisposição e entrega na prática. Por isso podes ser como a montanha, firme e disciplinado no que tens a fazer mas também como o bambu, compreendendo quando tens que mudar as mãos e para onde a energia devia fluir.

Quando terminares o autotratamento, passa algum tempo a fazer tratamentos mais locais mas, sempre que possas, repete séries de autotratamento, sempre prestando atenção às áreas afectadas e o que precisas mudar em ti para que melhores. Lembra-te sempre dos cinco princípios.

Quanto tempo poderás demorar? Entre os 20 minutos e 1 hora.

 

Mapa A3 de autotratamento Reiki

Mapa A3 de autotratamento Reiki

Porquê aprender Reiki em cursos com acompanhamento

O desejo de aprender Reiki pode vir de muitas razões – cuidares de ti, cuidares dos outros ou até mesmo descobrires-te, promoveres paz, harmonia e felicidade. Antigamente Reiki era ensinado na forma de aulas de um dia, ou de um fim-de-semana. Foi (ainda continua a ser), uma prática corrente nos dias de hoje, no ocidente. Sabemos que no tempo do Mestre Usui, era uma aprendizagem contínua com prática no dojo (a escola). No tempo do Mestre Hayashi, tinha seminários de cinco dias mas para se tornar terapeuta, tinha que estar um ano em estágio, como a Mestre Takata fez e relatou. Depois, a Mestre Takata iniciou os cursos de um dia ou dois dias, num hotel, espaço ou estância, como forma de promover e divulgar o Reiki a cada vez mais pessoas, nos Estados Unidos. Este tipo de conceito permaneceu no ocidente e muitos Mestres continuaram essa prática. Hoje em dia, muitos que querem aprender Reiki percebem que precisam de tempo.

Porquê mais tempo para aprender Reiki

O Mestre Usui dizia que «o treino, de acordo com a lei natural deste mundo, desenvolve a espiritualidade humana. Quando te convenceres de que isto é verdade, o teu treino empenhado trará a unificação com o Universo. As palavras que falas e as ações que tomas tornam-se unas com o Universo e trabalham sem esforço como o absoluto ilimitado. Esta é a verdadeira natureza do ser humano.»

Observando estas palavras, sentimos a enorme profundidade que podemos alcançar com a prática. Isto não se alcança num só dia ou sem acompanhamento. Apesar de muito do trabalho ser teu, as questões que tens precisam ser colocadas presencialmente, sentir a energia presencialmente e viver uma prática comum entre todos. Irás compreender mais ao escutar e praticar com os teus colegas. Reiki não é apenas colocar as mãos, há muito mais além disso.

usui-PRINCIPIOS

Conhecer o byosen, praticar reiji-ho, crescer com nentatsu ou com o hatsurei-ho, leva-nos também a compreender as possibilidades infinitas da prática. Ao longo destes anos devo-te confessar que sinto cada dia como sendo o primeiro. Há sempre descoberta e novidade. Isto acontece porque eu mudo todos os dias e assim muda a energia. Ao ligar-me cada vez mais ao universo mais sinto e mais isso me leva a descobrir sem ansiedade, leva-me a desenvolver a compaixão e o amor incondicional. Sem dúvida que Reiki é a Arte Secreta de Convidar a Felicidade.

Entrega-te à prática. Regularmente repete os 21 dias de autotratamento ou tratamento local. Com o nível 2, começa a experimentar praticar nos outros, com orientação. Nunca te esqueças dos princípios pois eles são a verdadeira base do Usui Reiki Ryoho. São imensas as possibilidade que o Reiki te traz, dependerá de ti e também do acompanhamento que tiveres.

Diverte-te na prática, convida a felicidade.

facebook o grande livro do Reiki 3

Autotratamento Reiki com cores

No Reiki não precisamos de imaginar cores e não temos indicação de que o Mestre Usui, Hayashi ou Takata tenham falado nesse pormenor, que seja do nosso conhecimento. O uso das cores vem da adaptação da sabedoria hindu sobre os chakras e o nosso corpo energético. Para nós, ocidentais, vem até ajudar-nos imenso a compreender muitas das nossas questões. Compreender o que chakra significa, pode auxiliar bastante a compreender bloqueios ou limitações. Em O Grande Livro do Reiki, poderás ler mais sobre este tema, com maior profundidade.

Autotratamento Reiki com cores

Se quiseres, ao fazer o teu tratamento, poderás visualizar que a energia tem determinadas cores para o tratamento específico do local onde tens as mãos. Este truque pode ajudar-te a focar no autotratamento, se a tua mente tende a «passear». Fica a ressalva que no Reiki não é preciso pensarmos em cores ou trabalhar com cores.

Como exemplo, quando estás a tratar do chakra cardíaco, podes imaginar que a energia Reiki que sai das tuas mãos tem uma cor verde. É importante que, se visualizares cores, estas sejam sempre muito brilhantes.

Deixa fluir a energia, como se fosse preenchendo o chakra com essa cor correspondente. Se notares que o chakra está com a sua cor suja, então podes imaginar que primeiro o vais esvaziar e só depois preencher com esta cor bonita.

Chakra regente Cor Parte do corpo
Coroa Violeta Parte superior da cabeça
Terceira Visão Indigo Cabeça e nuca
Laríngeo Azul céu Garganta, parte superior dos pulmões
Cardíaco Verde/Rosa Peito
Plexo Solar Amarelo Parte superior do Abdómen
Esplénico Laranja Parte inferior do Abdómen
Raiz Vermelho Bacia, pernas e pés

autotratamento por cores

Descobre-te com o autotratamento Reiki por partes

O autotratamento serve não só para te equilibrares física, emocional e energeticamente mas também para teres uma maior consciência de ti mesmo. Nem sempre há muita vontade de fazer o autotratamento Reiki mas ele é bem necessário. Para que não se crie uma saturação na prática, podes sempre fazê-lo de forma criativa. Desta forma, criei 6 passos que podes praticar em dias distintos. São formas para te conheceres melhor, para explorares outras posições e cuidares de ti mais profundamente, além de teres um maior autoconhecimento. Aproveita e pratica sempre os cinco princípios.

O autotratamento Reiki por partes

Trata sempre os chakras, aplica as posições que conheces e trabalha também as articulações. A imagem seguinte é apenas um exemplo, podes adicionar muito mais posições. Desta forma, maior será o teu autoconhecimento e percepção da energia.

autotratamento pelas partes do corpo1 – Cabeça

Coloca as mãos nas posições que conheces na cabeça, trata também do chakra da coroa e a nuca. Trata as orelhas e os maxilares.

2 – Tronco

Trata os pontos abaixo das clavículas, a tiróide, o coração e a parte lateral das costelas.

3 – Abdómen

Trata do plexo solar, fígado e baço, intestinos, ovários, chakra esplénico e rins.

4 – Bacia

Trabalha a zona do sacro, da bacia e do chakra raiz

5 – Pernas

Trata cada uma das articulações, pés, trata acima dos joelhos, na parte interior e exterior das pernas

6 – Braços

Trabalha as articulações, os braços e antebraços, trata as mãos e os seus chakras.

 

Page 1 of 3

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén