Tratamentos de Reiki

Reiki para os rins com pouca energia

Quando temos pouca energia nos rins, podemos sentir alguma dificuldade em avançar nas tarefas do dia-a-dia e até mesmo algum receio.

Os rins, representam um reservatório e um gerador de energia impulsionadora, abastecidos pelo Chakra Esplénico ou Chakra umbilical.

Aplicar Reiki para os rins com pouca energia

Quando te começares a sentir com menos vitalidade ou desconforto nas costas, na região lombar, quando começares a sentir algum receio de seguir ou uma sensação de ficar parado, experimenta fazer o seguinte tratamento:

  1. Se for possível para ti, começa por fazer o banho seco;
  2. Depois, recita tranquilamente os cinco princípios;
  3. Coloca as mãos nos rins, se for desconfortável, podes estar deitado ou encostado num sofá;
  4. Deixa estar durante bastante tempo as mãos aí;
  5. Vai sentindo o que acontece com o corpo, o que a energia te transmite;
  6. Se algumas emoções surgirem, deixa o corpo reagir a elas;
  7. Assim como se alguns pensamentos de situações trata com o envio de Reiki, se tiveres o segundo nível;
  8. Depois, passa para o Chakra Esplénico, trata também com as duas mãos;
  9. Depois, coloca na região do Baço (esquerda) e Fígado (direita);
  10. Se quiseres, em cada posição que fazes, experimenta recitar os cinco princípios;
  11. Quando terminares, agradece.

Faz este tipo de autotratamento vários dias seguidos, sem obrigatoriedade, mas é algo que possivelmente te poderá ajudar.

Se houver alguma questão física, procura o devido acompanhamento médico.

Podes ler várias dicas para o cuidado de ti mesmo em Reiki é Simples.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Um comentário

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.