Tratar a inquietude pela prática de Reiki

Já sentiste aquela inquietude dentro de ti que te torna insatisfeito com algo? Ou um sentir que não estás no lugar certo? Ou até nem mesmo bem contigo?

A inquietude pode ser uma sombra que nos persegue ou uma brisa que lentamente vai gelando os nossos ossos, tornando-nos imóveis ou então com demasiada agitação.

A inquietude e como a tratar pela prática de Reiki

A maior parte das vezes não compreendemos porque estamos irrequietos. Há uma agitação interior, mas não sabemos porque. Umas vezes passa, outras acumula-se até chegar a um momento em que é já impossível para nós lidarmos com ela.

Como chegamos a essa inquietude?

  1. Faz o banho seco;
  2. Coloca as mãos em gassho e recita serenamente os cinco princípios;
  3. Sente como eles te ligam a ti mesmo, como se houvesse clareza e entendimento;
  4. Depois vai praticando a técnica da respiração durante algum tempo – o Joshin Kokyu Ho;
  5. Quando quiseres, coloca uma pergunta na tua mente “o que me inquieta”;
  6. Aguarda pela resposta sem expectativa e recorda-te que por vezes tentas-te convencer a ti mesmo. Escuta as palavras por detrás das palavras;
  7. Qual a causa dessa inquietude? Há quanto tempo começou? Como?
  8. O que sentes que queres e precisas para a tua vida?
  9. Que condições precisas para alcançar esse objetivo?

À medida que as respostas vão chegando, acolhe-as e depois escreve tudo o que surgiu.

Perante as situações que te causam inquietude, tenta enviar Reiki para elas, para ir limpando essa energia e a tua própria consciência sobre elas.

Depois, faz uma experiência durante pelo menos 7 dias seguidos. Todos os dias, agradece pelos ensinamentos dessa inquietude e depois aplica a técnica Nentatsu, para que construas um pensamento positivo para ultrapassar a inquietude.

Só por hoje… um dia e um momento de cada vez. Vale a pena confiares em ti.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.