O maravilhoso mundo do Nível 2 de Reiki

O nível 2 de Reiki é chamado de Okuden, os segundos ensinamentos e, dizia o Mestre Usui, “onde se aprende o Seiheki Chiryo, a técnica para a mudança de hábitos”.

Qual a importância do Nível 2 de Reiki – os segundos ensinamentos

Para o Mestre Usui, o podermos trabalhar para mudar os nossos hábitos nocivos era algo de extremamente importante e mais uma razão para o seu método ser para “a melhoria do corpo e da mente“. E hoje em dia, acabamos também por trabalhar muito uma técnica especial – o Enkako Chiryo – o tratamento ausente.

Esta técnica de “Tratamento ausente”, que habitualmente chamamos de Envio de Reiki, pode ter inúmeras aplicações, em primeiro lugar para nós mesmos.

Principalmente o poder tratar questões passadas, assim como nos preparar para questões futuras, ou até mesmo ajudar a tratar o nosso corpo em zonas que não conseguimos chegar.

No nível 2 de Reiki, aprofundamos também a filosofia de vida, compreendendo melhor a causa das nossas condições de desequilíbrio.

De nós aos outros com o nível 2 de Reiki

É também o momento maravilhoso de começarmos a praticar para podermos ajudar os outros com o voluntariado.

Este é mesmo um nível muito bonito e de grande crescimento, é um processo natural de continuação do nível 1 de Reiki, os primeiros ensinamentos. Continuar com a prática não é correr, é aprofundar.

Ao todo, o nível 1 e 2 de Reiki representam mais de 12 meses de prática e vivência contínua, com ferramentas profundas para a nossa autodescoberta e tratamento. Ao cuidar de nós, estamos também a compreender melhor como cuidar dos outros.

Tudo começa com as mãos em gassho… só por hoje

Para o nível 2 de Reiki, experimenta aprofundar a filosofia de vida através do livro Reiki Guia para Uma Vida Feliz.

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to DearFlip WordPress Flipbook Plugin Help documentation.

1 thought on “O maravilhoso mundo do Nível 2 de Reiki”

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.