2021 - Prática da Bondade

2021 – o desafio da Bondade

Em cada ano costumo colocar um foco. 2020 foi o Ano do Esforço Correto e mal sabia que seria um ano tão exigente. 2021 sinto-o como um ano para a prática da bondade.

2021 A prática da Bondade

Sentir 2021 como sendo a prática da Bondade não significa que o sinta como um ano fácil, mas por ser exigente, vai requerer ainda mais de mim (e creio que de todos nós), o exercício da bondade.

Então, será um ano com desafios e difícil?

Creio que sim, mas a bondade poderá ser o bálsamo e a consciência necessária para ultrapassarmos cada uma das questões que se apresente.

Como a bondade nos pode auxiliar nas questões diárias

Ser bondoso, a prática do quinto princípio de Reiki, não é o mais fácil, apesar de todos o fazermos.

Dar é algo de maravilhoso, assim como receber. O ato de bondade é um dar e receber. Tantas vezes apenas queremos dar e não queremos receber. Quando não aceitamos do outro, estamos a não permitir que essa pessoa tenha também a mesma alegria que nós ao dar.

Ser bondoso é também deixar o outro ser bondoso. Esta é uma reflexão muito bonita e que nos pode trazer tanta serenidade.

Então, por coisas tão pequenas, conseguimos compreender que a bondade é um processo de grande sabedoria que requer de nós consciência, o estar presente e atento.

Como podemos exercer a bondade ao longo de 2021?

A bondade para contigo

Reconhece os teus desafios internos, assim como os teus próprios recursos. Permite-te.

Este permitir é o que sentes que precisas coerentemente. Tantas vezes não descansamos porque achamos que devemos estar sempre a produzir, até nos esgotarmos.

Encontra a alegria em ti, pois a alegria ajuda-te a superar a dificuldade que tantas vezes faz transbordar emoções mais pesadas.

A bondade para com os outros

Lembra-te que não consegues resolver os problemas do mundo, mas a tua bondade poderá aliviar a dor e as necessidades de muitos.

Isto não quer dizer que sejas um Gandhi, ou uma madre Teresa de Calcutá, mas o teu sorriso e gentileza para a mais desconhecida pessoa poderá trazer uma grande felicidade a todo o mundo.

Sê bondoso como se exercesses um amor incondicional, sem a necessidade de algo em troca… nem mesmo um obrigado.

A bondade ao reconhecer o valor da vida

Sem dúvida que existe um passo gigantesco na bondade – o reconhecer o valor da vida. Parece simples?

Não é de todo. Pois este valor da vida implica reconhecer que somos valiosos e que mesmo aquela pessoa que faz todos os esforços para que não estejamos bem, é valiosa para a vida.

Ao reconheceres este valor da vida, crias mais afinidades e compreendes o que há de importante e o que há de acessório.

2021 um ano para praticar a bondade? Sem dúvida alguma!

Lembra-te que é sempre, só por hoje… um dia de cada vez. Vale a pena praticar, vale a pena exercer a bondade.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

3 comentários

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.