A cabeça a andar à roda com o enraizamento

Já sentiste a cabeça a andar à roda quando fazes o enraizamento?

Não te preocupes, é absolutamente normal e há uma razão para isso.

Porque mesmo com o enraizamento há a sensação da cabeça a andar à roda

O enraizamento é uma técnica que podemos usar para nos sentirmos mais ligados à energia da terra. Este conceito tem como pressuposto que temos uma parte de energia que tem uma vibração mais elevada e uma parte de energia de vibração mais baixa. Esta última é a que se liga, conecta, à vibração da Terra.

Normalmente, estamos com as duas energias sempre presentes, e interligadas, mas se começamos a pensar muito e a levar o nosso centro de atenção para a cabeça, então muito facilmente o enraizamento pode ser desligado.

Quando isso acontece, cada vez mais se acumula energia na cabeça. Não é que seja mau, mas se não pudermos descarregar naturalmente essa energia, ela poderá começar a trazer-nos peso e irrequietude, como se um pensamento chamasse outro e mais outro e mais outro, assim sucessivamente.

Quando estamos nesse estado, mesmo ao fazer o enraizamento, podemos sentir que a cabeça fica à roda, ou que a parte superior do corpo está a abanar. Imagina que és como um balão, mas que estás preso ao chão.

Como aliviar a sensação da cabeça andar à roda

Não tem mesmo problema algum seres mais mental, é apenas uma característica, mas se esse aspecto te começar a trazer problemas, então poderá ser limitador para o teu bem-estar.

Assim, é preferível equilibrares a tua forma de estar:

  1. Enraiza-te

    Vai praticando várias vezes por dia o enraizamento, é uma boa forma de te habituares à sensação de estares presente e é também uma maneira de ires descarregando o excesso de energia que acumulas.

  2. Está no momento presente

    Algumas vezes por dia observa o teu momento. Para por um instante e olha para o que te rodeia, estando consciente de cada coisa e sentindo gratidão pela experiência. Permite-te respirar e sentir o ar que entra e que sai.

  3. Recorda-te dos princípios

    Sempre que possas, recita interiormente os princípios. Entrega a tua mente a estas cinco sementes de virtude e harmonia que te trazem calma, confiança, gratidão, diligência e bondade.

  4. Permite-te sossegar

    Acima de tudo, a técnica mais importante de todas é tu seres capaz de te permitires sossegar. Parar os teus pensamentos desenfreados não é o fim do mundo, descansares não fará com que tudo termine, muito pelo contrário. Permite-te repousar em ti mesmo e lembra-te que a tua consciência comanda a mente.

Se a tua cabeça anda à roda mesmo com o enraizamento, então este é o momento de parares por um momento. Aproveita e pratica Reiki… só por hoje.

1 thought on “A cabeça a andar à roda com o enraizamento”

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.