2020 - Esforço Correto,  Reiki,  Reiki em tempo de emergência

Como seres o teu melhor amigo – Cinco Dicas para ti mesmo

Algumas situações na vida trazem-nos profunda dor e uma sensação de desamparo, deixamos de falar com nós próprios, deixamos de nos sentir, ficamos incoerentes, silenciosos para connosco e cada vez mais afastados.

Não existem soluções milagrosas, mas de mim para mim, há também um caminho a ser feito – o de ser o meu melhor amigo.

Como seres o teu melhor amigo em cinco dicas

Ser o meu melhor amigo é, sem dúvida, a jornada de vida que todos nós precisamos fazer. É o “remédio” natural para a falta de autoestima, autoconfiança e tantas outras incertezas e faltas em nós. Se é simples sermos os nossos melhores amigos? Sim e não. Apenas depende de nós, mas pelo meio podem estar muitos desaires da vida, muito lixo e más percepções de nós mesmos que fomos acumulando.

Então, aqui ficam cinco dicas para ti… experimenta.

  1. Entrega-te

    A base da grande amizade é a entrega. Pensa no que te leva a ser um amigo genuíno de alguém e tenta fazer exatamente o mesmo para contigo. Rende-te a ti, como se te abraçasses, como se pudesses descansar em ti. Sente como a vida é boa em ti mesmo.

  2. Confia

    Porque não confias em ti mesmo? Fizeste o mais difícil de tudo – o ter nascido!
    Agora, é o tempo de realizares esse teu grande feito. A vida é uma jornada que fazes contigo. Aqui e acolá vais encontrado companheiros, mas apenas contigo mesmo fazes esse percurso do início ao fim e ainda mais além.

  3. Agradece

    Agradece por estares em ti mesmo, pela tua vida, pelos teus pensamentos genuínos e puros, pelos teus sentimentos humanos e elevados. Agradece pelos desafios que a vida coloca pois são eles que te levam mais longe. A gratidão é como um bálsamo para as feridas abertas.

  4. Sê honesto

    Fala sempre contigo mesmo, sê o teu maior amigo. Observa o teu discurso, muitas vezes estás a relatar uma situação a ti mesmo, mas não exprimes o que realmente sentes e queres – porque não falas contigo?
    A honestidade para connosco é aquela que nos permite viver em liberdade.

  5. Ama-te a ti mesmo

    No abraço, na confiança, na gratidão, na honestidade e diálogo para contigo mesmo, há algo que é como uma cola que tudo une – o amor sincero e incondicional.
    Este amor é também uma aceitação, essa é a grande lição que tantas vezes é tão difícil compreender – para amarmos precisamos aceitar, respeitar e entender. Aplica isso mesmo a ti – aceita-te pois és único e extraordinário, respeita-te pois mereces e és digno, entende-te porque ajuda-te a crescer e a seres cada vez mais feliz.

Sermos o nosso maior amigo é um desafio, é um caminho, é a vida que merecemos viver em plenitude.

Poderás ler vários exercícios no livro Reiki, Meditação e Consciência.

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to DearFlip WordPress Flipbook Plugin Help documentation.

Sou Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Um comentário

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.