2020 - Esforço Correto,  Filosofia de Vida

Não tenhas medo de viver

Tantas preocupações, tantos pensamentos e emoções trazem-nos o medo de viver. Fechamo-nos em nós próprios, nas nossas vidas. Queremos curar-nos, mas não encontramos a forma nem a força para tal.

O medo de viver tira-nos a capacidade de respirar, de pensar, de sentir a liberdade que alcançamos e a maior responsabilidade de todas – viver porque se está vivo, honrar a vida porque se vive.

Ultrapassar o medo de viver com cinco princípios

O Mestre Usui indicava:

A lei natural do Grande Universo e cada espírito humano, como pequeno universo, devem ser constantemente unidos, existindo como um.

Mikao Usui

Ter medo de viver é afastarmo-nos da vida, das leis naturais que nos guiam diariamente. A tristeza, mágoa, raiva que cultivamos, será alimentada com a nossa pouca energia, porque nos fechamos à vida. Ficamos corroídos pelos nossos próprios pensamentos e sentimentos, presos ao que nós próprios criamos.

Então, a filosofia de vida do Usui Reiki Ryoho, pede-nos para sermos audaciosos, para ultrapassarmos as nossas próprias questões e prisões – Construir harmonia, autoconfiança, gratidão, diligência e bondade.

O medo de viver não significa que a pessoa seja fraca, mas sim que está numa fase de vida onde a sua força está quebrada e que tudo aquilo que mais desejava se encontra longe e obscurecido. Como reencontrar essa chama interior que nos faça apreciar a vida?

Cinco princípios para o medo de viver

Coloca as mãos em gassho, um sinal de respeito para contigo mesmo. Fecha os olhos. Lembra-te do que te traz medo de viver. Lenta e profundamente, recita cada princípios, como se fosse um vento forte que afasta esses pensamentos errados, como se fosse uma chama que te ilumina interiormente.
Só por hoje…

  1. Sou calmo

    Sente em ti a paz que existe em todos nós, que é inata e à qual tu podes voltar. Rodeia-te da tua própria paz, inspira a tua própria paz e reconsidera-te digno de ti mesmo.

  2. Confia

    Acredita que és capaz. Cada desafio que te surge na vida, mostra-te isso mesmo. Recorda-te daqueles que já ajudaste e que se não fosse a tua força, não teriam conseguido chegar a si mesmos. Lembra-te de dar a ti o que foste capaz de dar a outros.

  3. Sou grato

    Recorda cada situação que te traz o medo de viver, como se fosse uma lição do teu livro de História. Essa lição tem um valor, é lenha que te pode ajudar a crescer, é uma vivência necessária. Recorda-te que és tu que escreves o final dessa história.

  4. Trabalho honestamente

    Tem força, acredita em ti, sê diligente e honesto para ti mesmo. Os teus pensamentos, os teus sentimentos, vêm de um só lugar, não te separes, une-te.

  5. Sou bondoso

    Acredita em ti e sê o teu maior amigo. Sente o calor do amor que tens pelos outros e partilha contigo esse mesmo calor. A vida tem um valor que apenas tu podes dar. Afasta esse medo com bondade.

Aplica a técnica da respiração, para que possas “reciclar” a tua energia vital e adquires um momento de paz nos pensamentos e sentimentos. Muda o teu pensamento, cultivando práticas positivas, com a técnica Nentatsu.

Alcançamos o feito mais difícil de todos – viver. Essa mesma vida, pede-nos o esforço de a honrarmos, de sabermos ultrapassar o nosso sofrimento e ajudar os outros a ultrapassar o seu próprio sofrimento, porque “nenhum homem é uma ilha” e a nossa força interior merece ser partilhada.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.