Autotratamento

Como ter um autotratamento Reiki focado e com mais energia

A prática do autotratamento é feita para nos trazer mais equilíbrio e harmonia. Reiki não é uma promessa de cura, nem tem nada a ver com isso. É sim uma prática terapêutica que potencia o nosso próprio poder autocurativo.

Nem sempre o conseguimos fazer com a concentração necessária e nem sempre sentimos que a energia flui da melhor forma, mas há algumas dicas que podem ajudar a que isso aconteça.

A aplicação de um autotratamento com maior concentração e energia

Cultivar concentração, foco, é o que o Mestre Usui nos pede ao introduzir o conceito “Só por hoje“. Por isso, ao realizares o teu autotratamento, lembra-te que o estás a fazer para que alcances o teu equilíbrio e harmonia, é um momento para cuidares de ti e isso é algo que ninguém te poderá substituir. Quando cuidamos de nós próprios, valorizamo-nos.

Autotratamento com mais concentração

Para te concentrares começa por limpar a tua energia. Podes fazê-lo através do Banho seco e da Chuva de Reiki.

O enraizamento também te irá auxiliar a estar mais presente e a não flutuar tanto na energia da mente.

Recita os cinco princípios estando concentrado em cada um deles e sentindo-os a vibrarem interiormente.

Autotratamento com mais energia

Antes de começares o autotratamento, lembra-te de todos os passos da concentração.

A tua própria ligação à energia poderá auxiliar a potenciar. Estamos sempre ligados à energia, mas nem sempre muito conscientes por a mente andar a divagar.

Trabalha a respiração usando o Joshin Kokyu Ho, pois sempre que utilizares uma respiração profunda, também a energia fluirá com mais intensidade. A técnica poderá trazer algum cansaço ao início, mas com prática irás aprender a regular esse esforço extra.

Vai sentindo o fluxo da energia que entra pelo Chakra da Coroa, vai ao Chakra Cardíaco e depois sai pelas mãos, como se fosse um rio muito puro e forte que passa por ti.

Como vês, praticar o autotratamento com mais concentração e energia parece não requerer muito, mas na verdade é algo de exigente. Assim, seguimos as indicações do Mestre Usui, praticamos com harmonia, cultivando a confiança, aprendendo com as lições da prática, sendo diligentes e muito bondosos para connosco e para com os outros.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Um comentário

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.