Podemos ter depressão pela vida

Momentos fraturantes na nossa vida, pressão constante, insatisfação, entre muito mais condições, poderá levar a termos momentos de depressão, mas pode surgir algo pior que um momento – uma depressão pela vida.

A depressão pela vida é um estado constante de abandono da esperança no melhor de cada um e da vida no seu total.

A depressão pela vida e uma perspetiva do Usui Reiki Ryoho

Em 1922 o Mestre Usui encontrava, na sociedade, as doenças do corpo e da mente que debilitavam interior e exteriormente a vida dos japoneses. Sobre a doença, ele indicava que era um desequilíbrio e desarmonia e que todos nós somos constituídos de energia.

Ele indicava que:

Nos dias de hoje, as pessoas necessitam de melhorar e de reconstruir, interior e exteriormente, a vida, daí que a razão do lançamento do meu método para o público destina-se a ajudar pessoas com doenças no corpo e na mente.

Mikao Usui

Ele mesmo, como todos nós, procurou uma vida mais pacífica e feliz, pois também ele encontrava a necessidade de reconstruir a sua vida interior e exteriormente. Sem dúvida, que quase passados 100 anos, continuamos no mesmo momento. Temos mais tecnologia, mais esperança de vida, educação e acesso a bens materiais, mas parece que nos afastamos cada vez mais deste desejo de termos paz e felicidade.

Dentro de nós cresce uma insatisfação por não conseguirmos chegar a nós próprios, por não nos compreendermos, por não conseguirmos alcançar o que desejamos, por estarmos demasiado saturados com tanta coisa que não conseguimos mais processar.

Assim surgem os pensamentos depressivos, a depressão e a depressão pela vida.

Do ponto de vista energético, é como um momento de estagnação. Tudo está parado, alimenta-se de si mesmo e não consegue encontrar o nutriente exterior. A energia da mente encontra-se focada em densidade, estimulando energia emocional, igualmente densa. Todo esse peso energético faz com que tenhamos uma sensação de cansaço extremo, tudo parece custar e nada parece andar.

Quando nos encontramos nessa condição, como poderemos ter prazer e contentamento pela vida?

O Mestre Usui indicava algo de bastante interessante:

Nós, humanos, detemos o Grande Reiki que preenche o Grande Universo. Quão mais alto elevarmos a vibração do nosso ser, mais forte o Reiki que temos, interiormente, será.

Mikao Usui

O que isto quer dizer é que, em primeiro lugar, temos todo o potencial de estarmos bem, mas há momentos em que não o estamos e para isso, como praticantes de Reiki, devemos fazer o que?

Praticar, praticar, praticar.

O que poderemos praticar?

  • Gassho Kokyu Ho – A técnica de meditação com as mãos em gassho, para “reciclar” a nossa energia e potencializar a vitalidade;
  • Enraizamento – O enraizamento irá auxiliar-te a estar mais focado e a descarregar energia, por outro lado é também uma advertência a saíres e a estares na natureza. Ficar em casa, estar nos mesmos ritmos e ainda mais nas redes sociais, poderá prejudicar-te.
  • Banho seco – Limpeza da energia que acumulamos.
  • Autotratamento – Cuida de ti mesmo, se não consegues ficar muito tempo nas posições nem fazer todo o autotratamento, não faz mal, faz o tempo e as posições que consigas.
  • Reflexão – Observa os cinco princípios e de que forma eles te poderão auxiliar na vida.

E sem dúvida que receber Reiki de outros.

Cinco Princípios de uma filosofia de vida para a depressão pela vida

Os cinco princípios não são mandamentos, nem são comandos imperativos, eles são sim tomadas de consciência. Ao estar num momento de total descrença pela vida e por si mesmo, precisamos refletir com um objetivo positivo:

  1. Sou calmo

    O que te levou a perder paz na vida?
    Não te comprometeste com o que querias cumprir?
    Deixaste a vida passar e perdeste-te de ti mesmo?
    Porque não poderias estar em paz contigo mesmo?
    Ter paz com os outros poderá não ser simples, pois depende de muitas condições, mas nada te impede de estares em paz contigo mesmo, de teres aquela conversa honesta contigo, de procurares o que necessitas em ti mesmo e a força interior que tens para te nutrir – aí encontrarás a harmonia que achaste ter perdido.

  2. Confio

    Perdeste a confiança em ti mesmo ou nos outros?
    Sem dúvida que pode acontecer até muitas vezes na vida, mas será motivo para baixar os braços, visto já teres alcançado o maior prémio de todos – o estar vivo?
    Cultivar confiança em nós é também saber cultivar a confiança nos outros, isto acontece quando começamos a compreender o que queremos de nós próprios e dos outros, assim como da vida.

  3. Sou grato

    Observa o que te rodeia – agradece cada uma dessas coisas que tens. Quanto tempo depois paraste de agradecer?
    Olha para ti mesmo, agradece por cada coisa que está em ti, por tudo o que tens interiormente?
    Observa o teu momento onde sentes uma depressão pela vida – achas mesmo que é isso que a vida quer?
    Apesar das condições não serem perfeitas, o teu mais pequeno passo positivo poderá ter grandes consequências numa vida melhor para os outros. Agradece poderes dar um pequeno passo.
    Se esse passo for tu estares bem, será então um passo gigantesco.

  4. Trabalho honestamente

    O quarto princípio fala-nos também da diligência e, por vezes, confundimos diligência com stress e ansiedade por realizar coisas. Ser diligente, através da prática de Reiki é cumprir um caminho com todos os princípios, ou seja, perseverar numa vida pacífica e feliz, com harmonia, confiança, gratidão e bondade.

  5. Sou bondoso

    Se te consideras bondoso e achas que o mundo te desiludiu, então não estás a ser bondoso para contigo. Não importa que alguém não tenha apreciado o teu gesto, pois a bondade quando cultivada em nós próprios é como um jardim infindável, mas para que isso aconteça, tens que usufruir da tua própria bondade, será que é isso que está a acontecer?

A vida é algo de extraordinário e único, uma oportunidade singular. Se observares a vida na natureza, verás que tudo faz sentido, se observares a sociedade com distanciamento, irás compreender o mesmo. No teu momento de dispersão, coloca as mãos em gassho, esvazia a mente e deixa os cinco princípios ecoarem na tua mente e coração.

Cada um destes princípios serve para ser aplicado num momento presente, no aqui e agora, no Só Por Hoje, como o Mestre Usui indicava. Assim, se não estás num momento depressivo, então aprimora-te ainda mais, não esperes pelo mau momento.

Se estás num momento depressivo, então procura auxílio que te possa levar às melhores direções e ao melhor potencial da tua vida, pois vale a pena viveres.

Estas perspetivas estão enquadradas no ensino e prática do Usui Reiki Ryoho, não substituem quaisquer conceitos e tratamentos da medicina convencional. Uma pessoa que se encontre em estado depressivo deve consultar um profissional de saúde.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.