A condição humana

A humildade poderá ser benéfica ou prejudicial

A humildade pode ser uma das grandes virtudes de uma pessoa, ela ajuda-nos a manter-nos a compreender cada estado individual do nosso próximo e é também um alerta às nossas atitudes.

Como compreendermos a nossa humildade

Entre humildade e humilhação, poderá estar uma linha muito ténue, assim como entre uma humildade genuína e uma falsa humildade.

O professor Kentetsu Takamori, escreveu à cerca da humildade o seguinte:

Quanto mais a flor de glicínia se curva, mais as pessoas
olham para cima para admirar a sua beleza.
Quanto mais humilde for a pessoa, mais respeito ela cativa.
Porém, curvar-se com humildade só para obter respeito
é desprezível.

Kentetsu Takamori

Segundo as suas palavras, a sinceridade, honestidade, simplicidade e um estar correto na vida de uma pessoa, cativa o respeito pelos outros, mas se as suas atitudes não corresponderem com a realidade, então apenas estará a enganar os outros, por muito que até os inspire.

Na verdade, uma falsa humildade, traz àquele que a pratica, um grande desentendimento do que é valioso na vida e todos os seus benefícios são construídos sobre fundações ruinosas e frágeis que, como em tudo na vida, mais cedo ou mais tarde, cederão.

Como ficará então esta pessoa?

E como ficarão aqueles que acreditaram nela?

Quando, pelo contrário, a humildade é algo de muito genuíno na pessoa, fazendo com que ela não distinga classes, que apoie uns e outros da mesma força, que faça corresponder a sua compaixão a um verdadeiro sofrimento e incentive verdadeiras afinidades, como poderá ser a vida interior dessa pessoa?

Quanto mais cultivamos na nossa mente e coração verdadeiras sementes de bondade e de vida, mais a vida cresce em nós.

A humildade não é uma humilhação, é uma forma de estar sinceramente na vida.

Poderás ler mais sobre estas grandes questões da humanidade no livro Porque Vivemos, do prof. Kentetsu Takamori.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.