Não é uma tarefa fácil perceber se um aluno pode passar de nível ou não. Se o curso for de um dia, o Mestre terá como referência o tempo que ele determinar para essa passagem, mas se o curso for com acompanhamento, muitos mais fatores tornam-se determinantes e auxiliadores para perceber se o aluno pode passar de nível.

Passar de nível na prática de Reiki

Sabemos que no tempo do Mestre Usui, eram feitos exames à qualidade do aluno, principalmente na sua capacidade de compreender o byosen e o desenvolvimento pessoal que foi crescendo em si. Também as técnicas eram relevantes e a capacidade de praticar.

Para compreendermos melhor as condições para se passar de nível na prática de Reiki, precisamos ter um entendimento claro sobre para que serve o Usui Reiki Ryoho.

A missão do Usui Reiki Ryoho é guiar para uma vida pacífica e feliz, curar os outros, melhorar a felicidade dos outros e de nós mesmos.

Qual o objetivo de praticar Reiki

Pelas palavras do Mestre Usui, em primeiro lugar, a nossa prática serve para a construção de uma vida pacífica e feliz, aquilo que em japonês se pode chamar o Anshin Ritsumei.

Por esta consideração, a progressão pelos níveis de Reiki de um praticante é para que ele cresça, desenvolva os preceitos e os princípios da prática na sua vida e assim consiga ser mais resiliente, aproveitando cada momento (só por hoje) e sabendo construir cada oportunidade do futuro, sabendo compreender o seu passado.

Assim, passar de nível é muitas vezes uma progressão interior que a pessoa faz, mas tal deve ser feito de forma consciente.

Por outro lado, o Mestre Usui indica que é também para “curar”, ou seja, é um percurso terapêutico. Esta é a realidade para muitos praticantes, pois querem passar de nível para aprender mais para se tratarem melhor a si mesmos.

Então, as condições que um Mestre de Reiki pode observar para que um aluno possa passar de nível, têm muito a ver com a própria característica e vontade desse aluno.

A sua vontade de crescer, de ultrapassar as suas limitações ou doença, o entendimento da prática de Reiki e a fundação de sementes valiosas para a sua própria vida e para a construção de uma vida melhor para os outros.

Muitas vezes o próprio Mestre até assume uma responsabilidade de deixar o aluno passar para o nível seguinte, sabendo que há algo de errado nele, isto porque quer trabalhar esses aspectos e auxiliar o aluno, através do exemplo, à mudança. Infelizmente isso não seria possível com um só dia de curso.

Compreendendo genuinamente os cinco princípios, entendemos que a prática de Reiki tem muito a ver com um crescimento pessoal e sabemos que esse crescimento leva tempo.

Passar de nível na prática de Reiki, requer também grande honestidade por parte do praticante – será que quer mesmo mudar a sua consciência?

Por vezes complicamos demais o que é simples, mas isto quer dizer que a simplicidade está em compreender a missão clara do Usui Reiki Ryoho.

Passar de nível é um caminho de progressão e cada um está em momentos diferentes da sua própria vida. O respeito mútuo entre praticantes, apoiados pelo seu Mestre de Reiki, trará grande sentido aos cinco princípios.