Quando pensamos nos cinco princípios pensamos na paz que eles nos trazem, na serenidade e força interior. São princípios que apesar de ecoarem para os outros, mais a nós nos dizem respeito, pois é através deles que alcançamos e realizamos a arte secreta de convidar a felicidade, como indicava o Mestre Usui. Apesar de parecerem algo que nos traz quietude interior, na verdade, os cinco princípios incitam, apelam à ação.

Compreender a ação que os cinco princípios promovem em nós

Cada princípio tem sempre uma base que é a atenção plena, a concentração necessária para alcançar cada um dos méritos que esta ação nos traz. Este enfoque na ação pede-nos que observemos os cinco princípios de Reiki como:

  1. Só por hoje, sou calmo – Não significa ser passivo;
  2. Só por hoje, confio – Não significa deixar que te enganem;
  3. Só por hoje, sou grato – A gratidão pede-nos ação na ajuda ao próximo;
  4. Só por hoje, trabalho honestamente – Não significa que deixes aproveitarem-se de ti;
  5. Só por hoje, sou bondoso – É ser consciente.

Então, podes constatar e por em prática a ideia que Reiki é um dos caminhos para um desenvolvimento pessoal equilibrado, entre a nossa necessidade e também a necessidade que os outros têm. 

Nos dias de hoje, existe alguma falta de clareza na direção da sociedade. Para onde vamos como humanidade? Que valores realmente são incutidos em nós, consciente e inconscientemente? E o que é realmente bom para todos nós? Esta falta de clareza leva-nos, muitas vezes, a ter comportamentos quase bipolares, onde nos sentimos naturalmente impelidos a fazer algo, mas que há um peso cultural que nos impede. Assim como há uma espécie de percurso inconsciente da sociedade, que vemos hoje falhar redondamente, como por exemplo – estudar, ter emprego, casar, ter filhos, reformar, morrer. É uma espécie de promessa de percurso social que vemos tantas vezes falhar e na verdade não é natural em nós.

Precisamos desenvolver, cada vez mais, a verdadeira consciência de quem somos, o que fazemos, para onde vamos. É sentir o fluir do caminho e o sentir da nossa missão de vida, compreendendo que todos nós temos uma importância incrível para a vida e para todos.

Sem dúvida que quando começamos a trabalhar em nós a harmonia, a autoconfiança, a gratidão, honestidade e a bondade, que começamos a crescer muito e a realizar todo esse bom potencial também com os outros e é por isso, que os cinco princípios de Reiki nos apelam à ação a ter uma atitude perante a vida.

Podes ler mais sobre a importância da Filosofia de Vida do Usui Reiki Ryoho em Reiki Guia para Uma Vida Feliz.