Colocas as mãos, esperas pela energia, mas apenas consegues exprimir – não sinto nada a fazer o autotratamento – e agora?

Para um praticante de Reiki, o seu autotratamento é parte de uma higiene energética e também uma ferramenta de profilaxia para o equilíbrio e harmonia. Muitos praticantes de Reiki têm sensações nas mãos, que em japonês se chamam de hibiki e são resultantes do byosen, ou seja, da irradiação do desequilíbrio e desarmonia da pessoa.

Que abordagem ter quando não sinto nada a fazer o autotratamento Reiki

Vamos a umas perguntas primeiro?

  • Será que precisas mesmo sentir alguma coisa? Essa é a primeira grande pergunta que te deves fazer;
  • Se achas que sim, o que esperas sentir?
  • O que pretendes alcançar com o que sentes?
  • Para que isso irá servir?
  • É realmente necessário?

Estas perguntas ajudam-te a enquadrar a tua expectativa, pois é a expectativa que nos pode levar a algo como não sinto nada a fazer o autotratamento pois podes estar com a mente demasiado focada nessa expectativa que nem compreendes bem como deve ser.

Por outro lado, podes estar apegado a sensações de pessoas que já conheces, ou de algo que já ouviste falar. Então precisamos refletir um pouco mais.

Quando estás apaixonado por alguém achas que outra pessoa sente exatamente o mesmo tipo de paixão que tu, ou será que cada um sente de forma diferente?

Quando estás a beber água és capaz de saborear esse momento? Se sim, achas que outra pessoa terá as mesmas sensações que tu tens?

Este tipo de questões pode ajudar-te a compreender que cada pessoa tem uma forma muito própria de sentir e que deves começar por desenvolver a tua própria forma de sentir. Tens que te entender interiormente, compreender as tuas necessidades e a forma como te expressas, assim, poderás começar a perceber melhor como sentes interiormente o teu autotratamento.

Por vezes, não sentimos nada no autotratamento porque estamos entregues à preocupação, porque a mente divaga em pensamentos e ficamos preenchidos de emoções. Então, na tua prática de autotratamento, tenta estar no momento presente, tudo tem o seu tempo e cuidar de ti é o tempo mais valioso que existe.

Ires às aulas irá ajudar muito porque praticarás com outros e vais perceber melhor o que são as sensações em ti. A vida é mesmo assim, uma troca, uma partilha entre todos nós, que nos permite crescer cada vez mais.