O quinto princípio de Reiki, Só por hoje, sou bondoso, é um apelo ao maior valor de consciência que possamos ter. Sou bondoso pode facilmente levar-nos a crer que devemos submeter-nos a qualquer julgamento ou a qualquer ação por apenas pensarmos que estamos a ser bondosos ou porque será bom, mas na verdade, o quinto princípio tem um valor bem mais profundo e exigente do que à primeira vista aparenta.

Sou bondoso e como o poderei ser de forma consciente

A bondade é uma ação que visa o equilíbrio, harmonia e bem-estar do próprio, de outros, ou de ambos e nesta ação incluem-se também todos os seres vivos, objetos e o próprio planeta. Afinal, ser bondoso não é apenas ser bonzinho, fazer um ato de caridade, é muito mais do que isso e é uma ação exigente que pede de nós a maior das consciências.

Quando queremos fazer o bem por nós, pelos outros, pelo planeta ou por ideais, não podemos apenas cingir-nos ao que acreditamos ser bom, temos que ir bem além dessa pequena perspetiva que temos e alcançar uma consciência mais abrangente. Como o fazer?

A resposta mais simples encontra-se na advertência que o Mestre Usui faz – Só por hoje. Isto significa que devemos entregar-nos à consciência do momento presente, à atenção plena e à concentração. Para desenvolvermos o mérito da meditação podemos praticar, por exemplo, a técnica Joshin Kokyu Ho. Quando aplicamos esta técnica, desenvolvemos uma forma de estar na vida onde há tempo para estar. Através deste tempo criado pela mente vazia, descobrimos o coração compassivo e é este que nos guia ao mais elevado estado da bondade.

Só por hoje sou bondoso requer de nós o aprimoramento dos quatro princípios anteriores:

  • Saber ser calmo e ter a consciência da ação que devemos levar a cabo;
  • Saber que se confio em mim mesmo devo também levar essa confiança aos outros e compreender de que forma me devo relacionar com eles na interdependência;
  • Saber ser grato e consciente do percurso, do caminho de vida que estamos a tomar;
  • Saber ser diligente e trabalhar honestamente em todos os campos da nossa vida, dos nossos pensamentos e sentimentos.

Só por hoje sou bondoso pede-te grande tomada de consciência, compreender de que forma ainda levas sofrimento aos outros e, ao tomares a iniciativa de cessares essa dor, compreenderes como podes ser genuinamente bondoso para todos os seres vivos, assim como para toda a existência.

Ser genuíno é importante numa ação de bondade.