Todos já sentimos as saudades de um ente querido que partiu e claro que, por vezes, nos surge a tristeza por já não o termos entre nós. Como poderá a prática de Reiki ajudar-nos a compreender e lidar melhor com estes sentimentos?

Uma reflexão com Reiki para as saudades de um ente querido

Podemos sempre encarar cada situação de duas formas, pela tristeza que nos provoca ou pelos tesouros que nos traz. Quando pensamos nas saudades de um ente querido, vem-nos aquele sinal do coração, o sinal de qual nos faz falta alguém que nos era querido. Se apenas dermos atenção à saudade, ficamos tristes, choramos, o que também não nos faz mal algum, não tem problema algum expressar tristeza e chorar.

Por outro lado, podemos ver que esta ausência, estas saudades de um ente querido, podem ser como jóias no nosso coração. Não há nada de mais maravilhoso, intemporal e infinito que o amor que guardamos no nosso coração. Então, estas saudades significam que a pessoa é para nós um tesouro e que temos a sorte de o ter connosco.

Quando encaramos a pessoa como um tesouro no nosso interior, pode vir a saudade, mas vem também o entendimento claro da fortuna que temos e também a consciência que esse ente querido irá estar sempre connosco, que quanto mais coisas boas fizermos em sua memória, mais a sua própria vida terá tido significado. É uma passagem de testemunho e uma doação que enriquece a própria humanidade.

Como pode Reiki ajudar-nos a compreender e cultivar positivamente as saudades de um ente querido

O Mestre Usui indicava que “O Universo existe em mim e eu existo no Universo”, ou seja, nós fazemos parte de tudo e tudo faz parte de nós, estamos interligados. Apesar do nosso ente querido já ter partido, ele continua a fazer parte do universo, continua a fazer parte de nós mesmos. Com estas palavras do Mestre Usui, podemos encontrar a serenidade através do conceito de unidade, de harmonia entre a vida e tudo o que viveu.

Se por outro lado, tiveres sonhos e saudades de um ente querido, porque não enviares Reiki para essa situação? Pede à energia para fluir para as sensações e memórias que tens desse sonho ou desse sentimento que te tira a tranquilidade. Visualiza a situação a ficar mais clara, o teu ente querido a ficar bem. Esta é uma boa forma de apaziguares também a tua mente e o teu coração.

Trabalha para a tua harmonia e para tornares as jóias do teu coração cada vez mais brilhantes, lembra-te também das palavras do Mestre Usui: “A lei natural do Grande Universo e cada espírito humano, como Pequeno Universo, devem ser constantemente unidos, existindo como um”.