O Tao do Reiki

Descobrir, Desenvolver e Crescer com Reiki

Reiki e Cromoterapia ou Reiki com cores

Que cores podemos usar com Reiki, será que faz sentido ou é completamente despropositado?

A aplicação das cores na prática de Reiki

A cromoterapia é uma disciplina que advoga a importância da vibração das cores. No senso comum sabemos que assim é, o vermelho dá-nos força, o cor-de-rosa e o azul céu acalmam. Assim como as cores do arco-iris correspondem a frequências, também o uso das cores poderá auxiliar na frequência da energia e na criação de estados mentais e emocionais.

Na prática do Usui Reiki Ryoho, nunca foi dito que se devia usar cores, imaginar cores ou que a Energia Universal tinha alguma cor. A mente é que necessita dessas âncoras para se concentrar e se for esse o teu caso, não tem problema algum, desde que compreendas que a prática de Reiki não necessita de cores.

Se gostas de te concentrar usando cores, para que a tua mente não fuja para outros pensamentos, podes usar algo como:

  1. Vermelho – força vital;
  2. Laranja – Alegria;
  3. Amarelo – Inteligência, Mental;
  4. Verde – Cura;
  5. Azul – Tranquilidade;
  6. Branco – Proteção;
  7. Violeta – Transmutação, espiritualidade.

O uso das cores veio da convergência com o mundo ocidental, que começou a usar o sistema de chakras e foi fazendo a fusão com outros conceitos de tratamento que existem.

Algumas pessoas têm percepção de cores quando estão a praticar ou a receber Reiki e isso tem a ver com a sua terceira visão, que lhes manifesta a vibração da energia. No entanto, nada disto é necessário para a prática de Reiki, tanto que alguns praticantes desistem porque acham que nada vêem, quando Reiki não requer visualizações, mas sim compreender o byosen, aplicar corretamente a energia e viver a filosofia de vida.

Previous

Revista Reiki & Yoga 16

Next

Homenagem ao praticante de Reiki mais idoso no CENIF

1 Comment

  1. Muito bom. Grata pela partilha

Deixe um comentário

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén