O Mestre Usui aplicava os poemas do Imperador Meiji num momento muito próprio de uma técnica à qual chamava Hatsurei. Esta é uma técnica essencialmente meditativa, para o empoderamento energético. Numa das partes da técnica, os poemas do Imperador Meiji podiam ser usados para reflexão.

Os poemas do Imperador Meiji em meditação

12 — IRMÃOS

Parece uma tempestade em casa. No entanto, os ramos de uma árvore crescem grossos lá fora. Não discutas. Mantém-te em harmonia. – Imperador Meiji

A melhor forma de aprendermos é praticando e devemos sempre começar com pequenos passos. Eis como podes experimentar aplicar o conceito dos poemas à meditação.

No livro Reiki Guia para Uma Vida Feliz, poderás encontrar todos os 125 poemas e ainda uma explicação de cada um deles. Se quiseres, abre à sorte e escolhe esse poema que saiu.

E agora, o momento de te preparares para a meditação:

  1. Cria o teu ambiente confortável e se quiseres, usa um alarme para poderes estar entregue à prática. Se estiveres agora a começar, podes experimentar 5 ou 10 minutos;
  2. Tenta decorar o poema que te saiu ou escreve-o numa folha;
  3. Coloca o corpo confortável e as costas direitas;
  4. Sente o ar que entra e que sai pela respiração e aproveita para aliviar alguma pressão interior que sintas;
  5. Leva a atenção até à mente e esvazia-a, como se fosse uma sala, ou como se soubesses que neste momento não te irás incomodar a ti mesmo;
  6. Aplica a respiração do Joshin Kokyu Ho e centra-te nesse fluxo;
  7. Traz para ti a memória do poema, ou lê-o interiormente, mantendo a mente vazia;
  8. Escuta interiormente o que essas palavras te querem transmitir, sem esforço, sem quereres alcançar algo… apenas escuta;
  9. Quando quiseres terminar, agradece.

Esta é uma prática muito simples e assim poderás compreender para que servem realmente os poemas do Imperador Meiji. Vale a pena praticar.