Sou Calmo (1) – Cinco princípios para uma melhor humanidade, com Reiki

Os cinco princípios de Reiki estão inscritos nos preceitos que o Mestre Usui nos deixou. Ele indicava que estes eram “Os ensinamentos do Usui Reiki Ryoho para a tua evolução”, o que significa que a nossa prática é feita através de um método que pede desenvolvimento pessoal.

Vamos observar estes cinco princípios de um ponto de vista da construção da pessoa, de si para si, de si para a sociedade, humanidade e todo o sistema vivo deste Universo.

Sou calmo – Cinco princípios para uma melhor humanidade

Os cinco princípios começam com “Só por hoje” – Estar no aqui e agora, no momento presente, um dia de cada vez. Então, para cada princípio, precisamos cultivar uma atitude de lembrança, vigilância, elevação e cultivo.

O primeiro de todos os princípios é indicado como “Sou calmo”. Neste momento presente, estou calmo, sou calmo. Promovo a calma. Mas o que quererá isto dizer?

A calma não é apenas um momento em que as ondas de um oceano estão serenas. Não pode ser porque isso é impermanente e de um momento para o outro, essas ondas irão ficar revoltas e depois irão regressar ao seu estado anterior de “calmas”. Então, o que procurar e para que procurar algo que seja permanente se isso é impossível?

Na verdade, queremos sim é cultivar harmonia. A harmonia significa que deixamos de fazer sofrer e como tal, o nosso sofrimento poderá ser reduzido. Mas porque será que algo que é nosso deve começar pelos outros?

Tudo é energia e o que pensamos, sentimos pelos outros é enviado a eles. Deles virá uma resposta também em forma de energia. Se pensarmos mal, que tipo de energia receberemos?

Cultivar a harmonia em nós e fazer o grande esforço de a saber levar aos outros começa mesmo por evitar o sofrimento que causamos. Poderás dizer “eu, fazer sofrer? Nunca, eu é que costumo sofrer”. Reflecte um pouco sobre isso e pensa de que forma é que costumas sofrer. Coloca-te no lugar de quem te faz sofrer e observa como essa pessoa te “julga”. Porque achas que tu lhe crias desconforto para te fazer sofrer?

Este é um tipo de reflexão bastante duro, porque geralmente nunca queremos aceitar que há defeitos em nós e que apesar de estarmos genuinamente a sofrer, há sempre algo que devemos melhorar.

Claro que podes dizer que e o que acontece com as vítimas da guerra? Essa consideração tem a ver com factores externos, não com factores internos. No entanto, se pensarmos nos responsáveis, então aí veremos muitos factores internos. Se observares o estado da política norte americana, poderás ver que há um governante, mas ele foi eleito por muitos milhões. Todos eles são responsáveis por terem entregue o poder a alguém, mesmo que pensassem que tudo seria uma comédia.

O segredo da harmonia está em saber parar o sofrimento. O segredo de saber parar o sofrimento está em deixar de o levar aos outros. Isso irá ecoar em nós, sabendo que valorizamos todos os seres, também a nós nos iremos valorizar.

Só por hoje, sou calmo… cria a harmonia em ti, leva a harmonia aos outros, cessa o sofrimento.

Os cinco princípios são uma ferramenta poderosa para o nosso crescimento.

Outros Cursos
Categorias de Artigos
Recebe a newsletter

Newsletter

Comments
All comments.
Comments

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.