Chakras,  Reiki

A mão emissora e receptora no Reiki

É através das nossas mãos que Reiki flui. Para uns, as duas mãos são idênticas, para outras há a mão emissora e a mão receptora. Mas porque será que isto assim é?

A diferença entre a mão emissora e a mão receptora

Reiki não tem polaridade, não dá choques eléctricos, nem são enviadas bolas de energia. É um fluxo, é uma espécie de onda que flui das mãos para o corpo energético da pessoa receptora. Para muitos praticantes, a energia flui de forma idêntica pela mão esquerda e pela mão direita, mas para outros praticantes, poderá não ser bem assim.

Há quem tenha percepções diferentes de mão para mão, na mesma posição e isso poderá ser uma indicação de mão emissora e mão receptora. Tipicamente diz-se que a mão esquerda é receptora e a mão direita a emissora, no entanto não se deve entender como ser uma regra. Uma boa forma de sentires se a tua mão é emissora ou receptora é fazeres um exercício simples:

  1. Coloca a mão esquerda com a palma virada para cima, sem dobrares o pulso, ou seja, na continuação do braço;
  2. Depois, coloca a mão direita com a palma virada para baixo, sem dobrares o pulso;
  3. Coloca as mãos numa direcção perpendicular uma da outra;
  4. Visualiza a energia a fluir de uma palma para a outra;
  5. Quando quiseres, faz o contrário, a mão direita virada para cima, a mão esquerda virada para baixo.

Se sentires diferenças notórias, então poderás ter a mão emissora e receptora, ou seja, uma deixa fluir mais energia, a outra sente mais a energia.

Experimenta na tua prática sentir a energia com a tua mão receptora e depois com a mão emissora, para verificares se realmente é assim.

Se ficares com muita impressão, mesmo após fazeres o banho seco, podes lavá-las com alcool e depois água corrente.

Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Um comentário

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.