Seguir a intuição e sensibilidade no Reiki

A intuição e sensibilidade são muito importantes na prática de Reiki, mas por vezes são mal compreendidas e levam à desistência de alguns praticantes ou ao extremismo de outros. Compreender correctamente e aplicar cada uma delas, é importante.

A intuição e a sensibilidade para a prática de Reiki

A intuição é uma percepção que toda a gente tem. Não é nada de incomum, extraordinário ou especial. Todas as pessoas têm intuição e a única diferença é que uns estão mais atentos a ela e outros não.

A sensibilidade é também uma percepção que nos leva, por um lado à empatia, por outro lado ao entendimento do que o outro tem ou nós mesmos temos, as suas condições.

Intuição e sensibilidade são comunicações energéticas, compreendidas pela nossa consciência ou pelo nosso subconsciente.

intuição e sensibilidade no Reiki

Como aplicar a intuição e a sensibilidade no Reiki?

Costumamos atribuir à terceira visão, o chakra na testa, a capacidade intuitiva, o que é uma grande verdade. No entanto, não estamos apenas dependentes da terceira visão, mas sim do equilíbrio de todos os chakras. Quanto mais estiveres equilibrado e alinhado, mais conseguirás ter intuição e sensibilidade. E como o poderemos fazer com Reiki? Através do autotratamento.

Tu és um todo e para te desenvolveres, precisas crescer como um todo. Por exemplo, o enraizamento permitirá não ficares tão afectado pelo que sentires, assim como um plexo solar forte irá ajudar-te a saber dizer “não” a situações que poderão ser de risco energético para ti.

A aplicação da intuição e da sensibilidade é muito vista na prática de Reiki a outros. Pode ser desenvolvida através das técnicas Reiji-ho e Byosen, para que depois sejam escolhidas as melhores posições de tratamento. Quando tens sensibilidade, desenvolves empatia, mas precisas saber lidar com ela com assertividade e responsabilidade. Assim, um tratamento de Reiki equilibrado é um misto de protocolo com intuição. No entanto, nunca te deves esquecer da responsabilidade do teu acto, isso é fruto de uma mente bem enraizada e de um coração compassivo.

Assim, Reiki traz-nos grandes lições para o nosso crescimento, não só como terapeutas, mas também como pessoas cuidadoras de si mesmas. Cuida de ti mesmo, tem como objectivo o teu equilíbrio e harmonia, desenvolve a intuição e a sensibilidade, mas sem pressão e sem te comparares aos outros. Tudo requer treino e técnica. Quando aplicares a tua intuição, fá-lo de forma responsável.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.