Como adquirires o teu curriculum como Terapeuta de Reiki

Ser um terapeuta de Reiki poderá implicar procurares emprego em clínicas, spa, espaços de terapias holísticas e escolas. A tua apresentação fará diferença e com certeza que o teu curriculum também. Sendo a terapia Reiki um método natural de cura que é cada vez mais procurado, também os espaços começam a ser cada vez mais exigentes com as pessoas que lá estão a trabalhar. O espaço poderá querer alguém com os seguintes requisitos:

  • Nível de Reiki;
  • Experiência anterior como terapeuta;
  • Tempo de prática.

Como adquirires o teu curriculum como Terapeuta de Reiki

  • Participa nos três níveis de Reiki, isso equivalerá a algo como um ano e meio de prática;
  • Indica a regularidade da tua prática;
  • Realiza um estágio de tratamento a uma pessoa, semanalmente;
  • Faz voluntariado e indica o mesmo no teu curriculum, demonstrando o local e tipo de voluntariado que realizaste. Indicar um tempo de prática de pelo menos dois meses, consistente, demonstrará que és um praticante fiável e empenhado;
  • Indica também todas as feiras e eventos em que possas ter participado;
  • Apresenta os workshops de desenvolvimento pessoal e profissional que possas ter feito, especialmente na área de Reiki e saúde, e retiros também.

Outras mais valias que poderás apresentar

  • Ser Associado da Associação Portuguesa de Reiki, o que implica que segues um código deontológico e a auto-regulamentação;
  • Curso de Suporte Básico de Vida;
  • Outros cursos relacionados com a saúde humana, desenvolvimento de perspectivas holísticas, entre outros.

 

Nota que alguns espaços, hoje em dia, procuram mesmo só um terapeuta de Reiki que realmente aplique Reiki nas suas consultas, tem isso em atenção, foca-te no Reiki e desmistifica as crenças.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.