O Tao do Reiki

Descobrir, Desenvolver e Crescer com Reiki

A ansiedade pelo futuro e o efeito no corpo

Quando começamos a projectar a mente para o futuro, pode surgir a ansiedade e esta manifesta-se em várias partes do nosso corpo. Como praticantes de Reiki, temos também que observar estas situações à luz da energia, ou seja, o que acontece com a energia para que tenhamos estes efeitos da ansiedade.

Para onde dirigimos o pensamento, a nossa energia vai. Se eu dirigir o pensamento para algo que vai acontecer, então a minha energia irá para lá. Vamos supor que pretendo estacionar o carro num determinado lugar. Parece que o visualizo mas ainda estou a quilómetros do lugar. Ao fazê-lo, a minha aura está a esticar-se. Quanto mais ela se estica, menos energia eu tenho, mais frágil fico e poderá surgir a ansiedade pois o ponto mais forte da energia está num lugar onde não estou mas que desejo ir.

Esta pequena história faz-nos reflectir em vários aspectos a ter em consideração:

  • O desejo;
  • O pensamento;
  • A distância;
  • A falta de energia.

Compreendendo que a nossa energia pode ser desperdiçada com um pensamento, fruto de um desejo, sabemos que poderá ser por aí que iremos perder a energia. A manifestação dessa perda irá traduzir-se numa situação física – a laringe, o coração, o plexo solar, as costas…

Compreender a forma como a ansiedade surge fruto de um desejo, cumprido pelo pensamento, percebemos também que tudo isso tem origem em algo como insegurança. O que acontecerá?

Então, para tratarmos a ansiedade, são vários os aspectos que temos que trabalhar:

  • A mente;
  • A insegurança;
  • A parte do corpo onde se manifesta a ansiedade.

Quanto mais consciência levares à tua questão mais preparado estarás para tratar. Lembra-te sempre dos cinco princípios, serão muito importantes para a tua serenidade e paz interior.

Previous

Descobre os ensinamentos da Mestre Takata em Reiki Guia para uma Vida Feliz

Next

Os 125 poemas do imperador Meiji e a sua importância

1 Comment

  1. Muito, muito grato.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén