Se terminaste os teus seis meses contínuos de nível 3 de Reiki e não sabes o que hás-de fazer, então aqui ficam umas dicas úteis para ti.

Claro que em primeiro lugar tens sentir como estás na tua prática e podes querer colocar as seguintes reflexões?

  • Como tenho integrado os princípios no meu dia-a-dia?
  • O que mudou em mim desde o nível 1 de Reiki?
  • Aquilo que me levou a aprender Reiki foi cumprido?
  • Sei cuidar de mim e pedir ajuda quando necessito?
  • Compreendo e aplico todas as técnicas?
  • Sou disciplinado no meu autotratamento?
  • Compreendo como tratar os outros?

Estas questões levam a dois pilares – a filosofia de vida e a prática terapêutica. A tua tomada de consciência pode até indicar-te que queres regressar à prática desde o início. Isso é comum e, por exemplo, eu estou a fazê-lo constantemente. Encontram-se sempre coisas novas naquilo que já parece sabido, naquilo que parece ser velho.

Que caminho percorrer após o nível 3 de Reiki

A partir daqui já deves ter tido pelo menos um ano e meio de prática regular, com empenho e muito coração. Então podes considerar alguns aspectos práticos de aprendizagem e dedicação, como é o caso do voluntariado, da prática profissional como terapeuta de Reiki ou de continuares o teu estudo com as aulas de Reiki Do, Kensho e ou Karuna.

Voluntariado

O voluntariado irá ajudar-te a desenvolver cada vez mais o sentido de verdadeiro amor incondicional e compaixão, ou seja, de seres capaz de doar Reiki sem esperares resultados ou feedback. Apenas estares no momento para o fazeres. Voluntariado irá ajudar-te a desenvolver o carácter para que sejas disciplinado, bondoso, com respeito pelo local onde estás e pelas condições daqueles que irás tratar.

Terapeuta profissional

Ser terapeuta significa que também sabes cuidar de ti. Que fizeste uma jornada longa que te levou a entender o método de Reiki e a profundidade do seu alcance. Após teres praticado com os teus colegas e de teres feito voluntariado, se sentires que o queres fazer, então prossegue para um aspecto mais profissional. Irá trazer-te muitos desafios mas ajudará crescer-te imenso.

Continuar o estudo

Aconselha-te com o teu Mestre de Reiki de que forma podes continuar a tua prática, não quer dizer que tenhas que ir fazer o Gokukaiden, o curso para Mestre de Reiki. Poderás querer fazer outros cursos pois nem todos querem ir para Mestre de Reiki. No CENIF tens aulas de Karuna, para o desenvolvimento da compaixão como terapia e filosofia de vida; USUI KAIZEN, um curso de seis meses para o crescimento na filosofia de vida, meditação, compreensão das questões pessoais e atitudes para com os outros (6 meses); Kensho, compreender a própria essência, que é um curso de 6 meses, no CENIF Guimarães, para alunos de nível 3. Poderás ainda desenvolver-te com cursos próprios para terapeutas de Reiki e muito mais.

Gokukaiden – nível 3B

Se sentires que o teu percurso passa pelo ensino, poderás ir para o Nível 3B de Reiki, chamado de Gokukaiden, a transmissão dos ensinamentos “misteriosos”. Este é um curso que leva entre oito a doze meses de prática e crescimento.

Retomar o caminho

O nível 3 de Reiki não é o fim do teu caminho, irás compreender que a Grande Luz Brilhante te trará a sabedoria para interpretares toda a tua aprendizagem de forma diferente e poderás querer retomar os workshops de nível 1 e 2 para os observares com a tua nova sabedoria. Isso é incrível de se fazer e vale a pena. Nós praticantes de Reiki não estamos dependentes de níveis mas sim do crescimento interior que nos leva realmente à Arte Secreta de Convidar a Felicidade.

Leitura de apoio

Além dos teus manuais, que podes sempre reler, tens também para apoio O Grande Livro do Reiki, que é um manual prático para todos os níveis e ainda Reiki Guia para uma Vida Feliz, para aprofundares a sabedoria sobre o Usui Reiki Ryoho e ainda a filosofia de vida, ao longo de todos os níveis. Faz também as prática aconselhadas em O Grande Livro de Reiki, para a passagem de nível, irá ajudar-te.