Algumas respostas sobre o envio de Reiki à distância

O envio de Reiki à distância é uma das práticas mais importantes para os praticantes que tenham o segundo e terceiros níveis de Reiki. Como é uma técnica que envolve vários passos, traz também algumas reticências em relação a conceitos.

Conceitos do envio de Reiki à distância

  • Reiki é uma energia passiva e vital;
  • A energia deve resultar para o bem supremo de uma situação ou pessoa e não para um desejo ou proveito pessoal;
  • Pode tratar-se uma situação do passado, presente e futuro, não tem tempo nem espaço;
  • Podem tratar-se várias pessoas ao mesmo tempo;
  • O praticante deve ter os devidos cuidados antes, durante e depois da prática, exactamente como se estivesse a tratar de outra pessoa presencialmente.

Respostas a perguntas frequentes

Para cada pedido de envio preciso colocar nome, morada, data de nascimento, telefone e os símbolos?

Não necessariamente mas poderás fazê-lo se assim quiseres. A energia irá fluir para a pessoa porque se estabeleceu um contrato, uma ligação energética mesmo que não a conheças. Se quiseres, depois de escreveres o nome da pessoa, podes colocar a intenção do envio de energia e desenhar os símbolos. Sempre que vás fazer um envio de Reiki, desenha ou visualiza os símbolos, dizendo os seus mantras três vezes cada.

Nós podemos fazer Reiki à distância para várias pessoas ao mesmo tempo?

Podemos sim, através da técnica do caderno, caixinha, fotografia ou mentalização. Podes também querer dividir o envio por familiares, amigos e desconhecidos. Em casos mais particulares ou que exijam mais atenção, faz o envio individualmente.

Como enviar Reiki para ajudar a harmonizar uma situação?

É uma boa prática pois irá também tratar-nos em relação a essa situação. Podemos até fazer o banho seco primeiro e depois o autotratamento caso seja algo que nos envolva. Pedimos para que a energia flua para a harmonia da situação e de todos os envolvidos, pelo seu Bem Supremo, desenhamos os três símbolos do terceiro para o primeiro – honshazeshonen, seiheki e chokurei e deixamos fluir energia. Podemos sempre enviar símbolos se o sentirmos e quando quiseres terminar, visualiza todos felizes e bem, a energia muito clarinha e a desvanecer. Volta a repetir os três símbolos e agradece. Faz o banho seco e chuva de Reiki se for necessário.

Será que temos que ter autorização para o envio de Reiki?

Na maior parte dos casos é conveniente. Caso não seja possível, podemos pedir ao Eu Superior da pessoa. Ou seja, pedir para que caso a pessoa aceite Reiki, então que a energia flua para ela. Para isso podemos fazer algo como «peço que a energia flua para o Bem Supremo da pessoa xy, para a altura que lhe seja mais conveniente».

Para fazer Reiki para conseguirmos um trabalho que queremos, basta escrever no papel o que pretendemos e deixar a energia fluir?

Nem sempre o que queremos é o melhor para nós. Por vezes desejamos muito algo que nos pode trazer infelicidade. Como nem sempre sabemos o que será melhor, podemos e devemos sempre enviar Reiki para o Bem Supremo da situação. Por exemplo «Que a energia flua para que consiga arranjar um bom trabalho, para o meu Bem Supremo e o de todos». Isto irá também tratar a nossa própria predisposição até para quando formos à entrevista. Nestes casos também é bom fazer o autotratamento para irmos harmonizados. O nosso aspecto e a emanação da aura, é também importante. Praticar o segundo princípio de Reiki.

 

 

10 thoughts on “Algumas respostas sobre o envio de Reiki à distância”

  1. Maria Fernanda Santos Cabral

    Boa noite, há limite de pessoas que posso fazer o reiki a distância? Sou reiki 2

  2. Sou nível 2… e li que neste nível… na técnica da caixa…. não se pode mandar para muita gente coletivamente. Que dependendo da quantidade e o tempo de aplicação, o fluido não alcança a todos. Só o nível 3. Está correto?

  3. Olá! A caixa para envio de reiki à distância pode ser de qualquer material? Posso destinar uma caixa de isopor para esse fim?

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.