Reiki

O Reiki cura, o praticante cura ou a pessoa cura-se?

Quando a energia universal flui e encontra desequilíbrios nos nossos vários corpos, actual para a harmonia do nosso todo. Quando o receptor se sente bem, fica a dúvida – o Reiki cura, o praticante cura ou a pessoa cura-se?

Um praticante de Reiki é aquele que, após ter recebido uma sintonização e ensino sobre Reiki, deixa a energia fluir através dele. A energia é aplicada primeiramente nele e só depois nos outros. Na sua aprendizagem está também a base do Reiki que são os cinco princípios.

Algumas premissas sobre Reiki e a cura

  1. No Reiki não existe ou não deve existir uma promessa de cura. Não há nenhuma medicina ou terapia, actualmente, capaz de poder afirmar tal coisa num aspecto taxativo – “se tomar ou se fizer isto, ficará curado em absoluto”;
  2. Reiki é energia vital, como tal não se pode considerar algo de pólo positivo ou negativo, é somente energia vital;
  3. A energia está disponível em todo o lado, daí se chamar energia universal mas, para que seja Reiki a fluir para o receptor o seu emissor deve estar devidamente sintonizado;
  4. Não é a energia do emissor que flui para a pessoa mas sim Reiki, no entanto existem sempre “trocas” energéticas porque as auras (campo energético humano) tocam-se e comunicam entre si, o que é um processo natural;
  5. A pessoa sente-se melhor quando a energia equilibra os seus excessos ou deficiências de energia;
  6. Apesar do terapeuta poder ter um papel activo no processo, muito do que a energia faz é desconhecido para ele, daí dizer-se que se “deixa a energia fluir”, ela irá para onde for mais precisa;
  7. O nosso corpo físico é complexo e é um autêntico ecossistema. A homeostase regula as variáveis do nosso corpo(s) para que tudo esteja em equilíbrio e a vida esteja garantida. A energia actua para que se mantenha a homeostase, o equilíbrio do corpo.
A energia flui para o receptor, auxiliando na harmonia do seu corpo físico, mental, emocional e espiritual.
A energia flui para o receptor, auxiliando na harmonia do seu corpo físico, mental, emocional e espiritual.

Reiki não cura, o terapeuta não cura, a pessoa cura-se a si mesma

Por muito estranho que possa parecer, realmente é a pessoa que se cura. O nosso organismo é que tem a capacidade de se regenerar, o que muda são os métodos terapêuticos e os acessórios usados para que tal aconteça. Tendo isto em perspectiva podemos ainda considerar:

  1. A postura de um terapeuta e praticante de Reiki sobre a cura deve ser de humildade e sabedoria;
  2. A pessoa deve envolver-se no seu próprio processo de cura. Sem o seu comprometimento, como pode o organismo encontrar equilíbrio? Mente e coração estão juntos em qualquer processo.
  3. A cura acontece quando tal é possível na pessoa, quer por razões genéticas ou naturais.

Esta é uma abordagem natural e simples sobre o Reiki e a cura e as questões que muitas vezes são levantadas sobre a prática terapêutica de Reiki.

Sou Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e fundador da Ser - Cooperativa de Solidariedade Social Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki», «Reiki Usui», entre muitos outros. Fundador da revista "Budismo, uma resposta ao sofrimento". Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.