O que fazer depois de um retiro – regressar ao quotidiano

Um retiro é um momento de encontro interior e unidade com todos os nossos fragmentos e realidades. É o chegar aos outros de uma forma mais presente e consciente e, geralmente, após um retiro estamos renovados e com outras perspectivas. O corpo transforma-se os hábitos transformaram-se nesses momentos de interioridade. Mas, como manter o espírito de um retiro ao voltar para o quotidiano?

O que fazer depois de um retiro

Manter um diário

Criar um diário para o retiro é um conceito muito interessante. Vai permitir reveres o que sentiste, experimentaste e as questões que tiveste ao longo desses momentos. Coloca com sinceridade todas as situações, será importante para reveres no futuro.

Completar o percurso

Observa todo o teu diário, medita sobre os tempos de retiro e verifica se há algum “buraco” na tua memória. Tenta construir uma história de todo o retiro pensando desde o momento que saíste de casa para lá até ao momento em que chegaste. Observa agora, que impressão geral tens do teu trabalho interior e o que desejas fazer com essa tua impressão.

Aprender com as lições

Tendo a tua história completa, observa as lições que tiraste para reflexão e o que querias atingir com o retiro. Houve diferença, atingiste algo?

Mesmo que não tenhas conseguido atingir o teu objectivo é importante veres o caminho que fizeste para lá chegar. Tentaste, esforçaste-te e isso tem um valor interior incrível. Tenta reflectir se o que colocaste como objectivo não foi algo demasiado vago ou demasiado inatingível para este teu momento de vida. Por exemplo:

“Quero cura” – cura a que nível? De quê? Como? O que sentir? Por vezes pedimos de forma tão vaga que não percebemos a resposta do universo e dos nossos corpos. Por vezes a cura acontece mas não estamos atentos a ela.

Aplicar as lições

Se as lições que tiraste no retiro te fizeram sentido (podem não fazer agora mas fazer mais tarde) então medita – de que forma podes aplicar essas lições no teu dia-a-dia. Na tua vivência deste momento.

Aplica os cinco princípios, principalmente a gratidão e a honestidade. É espectacular passar por um momento de transformação e agradecermos ao universo por essa experiência. Transformamo-nos num belo cisne.

Regressar ao ponto zero

Após um retiro, pode ser frustrante voltar ao corropio do nosso quotidiano, as mil e uma tarefas, as preocupações, os pensamentos que não param e, num instante, perdemos toda aquela serenidade e crescimento. Mas, não tem que ser assim. Podemos repetir o espírito do retiro sempre que queiramos e, no nosso dia-a-dia, devemos aplicar as transformações que alcançamos. Não se resignem a regredir, dêem um passo em frente na vossa transformação e digam, hoje mudei. Hoje não aceito isto, hoje estou bem, neste momento estou bem. Recolham-se em meditação várias vezes por dia, bastam apenas dois minutos e verão a diferença que faz.

Num fim-de-semana, estipulem momentos de retiro e reflictam. Usem os poemas do imperador Meiji, um para cada dia, coloquem o vosso objectivo e analizem-no à luz dos cinco princípios. Façam reiki para a vossa desintoxicação e elevação da consciência.

Vale a pena retirarmo-nos e sentir a transformação que o Reiki nos traz.

Categorias de Artigos
Recebe a newsletter

Newsletter

Comments
All comments.
Comments

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.