Histórias sobre Reiki – À procura de um método de cura

Todos, ou pelos menos, bastantes praticantes já ouviram falar da história de Mikao Usui ter procurado durante tempos e tempos sobre um método de cura ou como curar, como Jesus fazia, por exemplo, com as mãos. Será que essa história é verdadeira?

Ao leres o seguinte texto, coloca a ressalva de que a história está sempre a mostrar novas perspectivas e por muito que se investigue, na verdade, nunca saberemos exactamente o que se passou naquele tempo. Devemos manter uma mente aberta e não deixar que novas ideias propostas sejam ofensas às crenças que temos. Quando estamos sempre predispostos, surgem-nos as respostas e a iluminação. Se nos apegarmos demasiado a histórias, teremos pilares fracos e que poderão ruir com o tempo. Reiki é energia, infinita e além do tempo.

Será que Mikao Usui procurou durante muito tempo um método de cura?

A resposta é não, dada pelo próprio Mestre Usui.

Na página 7 do Usui Reiki Ryoho Hikkei, tradução portuguesa, encontramos um diálogo entre um entrevistador (P.) e o Mestre Mikao Usui (R.):

«P. Como funciona o Usui Reiki Ryoho?»

«R. Eu nunca recebi este método por ninguém, nem estudei para obter algum poder ou energia para curar. Acidentalmente percebi que recebi o poder de cura quando senti o ar de forma misteriosa durante o jejum[1]. Então, tenho dificuldade em explicar exatamente o mesmo, apesar de ser o fundador. Estudiosos e homens sábios têm vindo estudar este fenómeno, mas a ciência moderna não pode resolvê-lo. Mas eu acredito que esse dia virá naturalmente.»

Este tipo de ficção, história, parece ter surgido por volta dos anos 70/80 com os ensinamentos da Mestre Takata, para que o público norte-americano pudesse compreender quem era Mikao Usui e o Reiki.

Segundo o seu manual, o Mestre Usui diz-nos que ele não procurou, nem estudou, a energia – aconteceu ter tomado percepção dela! (Muitas vezes é isso mesmo que faz falta, o tomar a percepção da energia, o sentir e não procurar explicação disto ou daquilo).

Com este esclarecimento, usando a resposta do Mestre Mikao Usui, não se pretende criar qualquer tipo de “verdade absoluta” sobre o tema. Neste caso específico, temos a resposta do próprio Mestre à procura. O que não quer dizer que ao nível de desenvolvimento pessoal o Mestre Usui não procurasse por algo, caso contrário não faria o retiro no Monte Kurama. Mesmo o tema do retiro de meditação é tema para uma outra história sobre Reiki.

[1] No período de retiro de 21 dias no Monte Kurama

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.