Técnicas para terapeuta de Reiki após uma sessão

stock-footage-portrait-of-young-woman-working-as-spirit-healer-doing-reiki-therapy-and-smiling-looking-atA prática de Reiki não é cansativa, antes pelo contrário mas o corpo necessita de descanso, assim como os restantes corpos – emocional e mental. A nossa energia vital precisa ser recarregada e tudo tem que ter o seu tempo próprio. O terapeuta de Reiki tanto pode ter uma como cinco sessões de Reiki num dia. Cada sessão é incrivelmente importante e única e para que seja realizada no seu melhor, o terapeuta de Reiki, deve estar no seu melhor. Além de algumas indicações já prestadas no código deontológico e na Norma NPTCR-01, ficam aqui algumas técnicas que podem ajudar nos intervalos das sessões a restabelecer o equilíbrio ou pelo menos a serem praticadas no início e final de dia.

Técnicas para terapeutas de Reiki antes e depois de uma sessão

A nossa ligação à fonte é importante. O constante fluxo de energia permite-nos não só veicular Reiki como também ter uma outra percepção sobre a energia e sobre as questões dos nossos pacientes. Antes de iniciar uma sessão de Reiki podemos sempre praticar:

Estas técnicas, em nada obrigatórias, podem auxiliar o terapeuta de Reiki a ter uma percepção do seu canal energético e estado físico, mental e emocional. Acima de tudo, para a prática de Reiki não há um tempo definido e o terapeuta precisa estar relaxado em relação a isso ou saber gerir o seu tempo, em serenidade. Coloquem a vossa intenção e tudo funcionará em perfeito.

A prática de Tai Chi, Chi Kung, ou algum desporto físico auxilia bastante a libertar energia que possa ficar em nós, estagnada. É natural isso acontecer mesmo praticando Reiki, por isso invistam nestas práticas.

Aqui ficam alguns exercícios sugeridos pela Desnível.pt:

aquec

1. Flexão do Tronco à frente;
2. Hiper-extensão do Tronco;
3. Elevação do joelho ao peito, fixando-o com os braços;
4. Flexão da perna atrás;
5. Flexão lateral do tronco;
6. Rotação do tronco, mantendo a posição em cada extremo;
7. Flexão dorsal do pé, estirando os gémeos;
8. Flexão do tronco à frente, a cada perna;
9. Extensão dos flexores e extensores das coxas;
10. Hiper-extensão dos ombros (e bicípedes);
11. Extensão dos tricípedes (e não só…)
12. Rotação dos ombros;
13. Extensão da musculatura dos antebraços;
14. Cinco a 10′ de corrida lenta.

Categorias de Artigos
Recebe a newsletter

Newsletter

Comments
All comments.
Comments

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

  1. Heloisa

    Mais uma vez muito grata João.