Quando o Reiki nos mostra as nossas questões

Reiki e as questõesReiki é a arte secreta de convidar a felicidade. Se assim é, porque é que quando praticamos Reiki por vezes surgem as nossas questões mais profundas, aquelas que nem queríamos ouvir falar?

Esta energia universal, que nos anima e está em todo o lado, que não é nem positiva nem negativa, representa a energia vital que vem do universo. Reiki é uma prática que nos ajuda a, conscientemente, trazer o equilíbrio em todos os corpos. Para compreendermos o efeito do Reiki sobre as nossas questões, vamos observar o que acontece a um copo que tenha azeite, ao ser misturada água. Inicialmente os dois líquidos formam algo estranho entre o incolor e o amarelado, a gordura espalha-se até que, finalmente, acaba por se concentrar no topo do copo. A água fica no fundo e o azeite no topo.

Se representarmos o azeite como a doença, o desequilíbrio, as questões e a água como o Reiki, então teremos uma percepção muito real do efeito de um tratamento.

As nossas questões tanto podem estar “à superfície da pele” como profundamente enraizadas em nós. Do ponto de vista energético, elas representam um desequilíbrio – um excesso ou deficiência de energia. Quanto mais enraizadas mais demorado poderá ser o tratamento e poderá até envolver outras terapêuticas ou medicinas. O Reiki não é exclusivo.

Ao recebermos Reiki, ele terá o mesmo efeito que a água, trará ao de cima as questões. Por um lado para nos mostrar as questões que temos (o Reiki ajuda-nos a mudar a consciência), por outro para que a questão possa ser trabalhada e transformada. Porque nada se perde, nada se ganha, tudo se transforma.

Ao vermos as questões a resolver, devemos ter uma atitude de gratidão (terceiro princípio), mantendo a calma e confiança (primeiro e segundo princípios). Esta é uma oportunidade incrível para mudarmos – está nas nossas mãos. Ao realizamos o autotratamento ou ao procurarmos um terapeuta, vamos centrar-nos nesta questão, enviando Reiki para ela. Se quisermos, podemos até imaginar que aos poucos se vai dissipando, sendo o espaço por ela ocupado, preenchido por Reiki, ou por aquilo que precisamos. Isso pode ser feito através da intenção, quando realizamos o Reiji-ho.

O grande truque é sempre manter a serenidade e perceber que o Reiki nos mostra a que há a mudar, para cumprirmos o nosso caminho de felicidade. A prática constante é necessária.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.