Fechar e abrir chakras o que é e porquê

Fechar e abrir chakras significa, de uma forma correcta, colocar o chakra no seu tamanho ideal. Chakra é um termo sânscrito que quer dizer roda, ou seja, é um receptor e emissor de energia que está ligado aos nossos corpos físico, mental e emocional. Tanto a energia afecta esses corpos como a nossa acção nesses corpos afecta a energia. Por exemplo:

  • Corpo mental – Se tiver pensamentos negativos, irei gerar energia negativa que me trará desequilíbrio e possivelmente doença;
  • Corpo mental – Se tiver emoções descontroladas, irei gerar desarmonia na minha energia, poderei causar doença em mim;
  • Corpo físico – Uma má alimentação pode gerar energia estagnada ou algum défice que poderá provocar doença.

Por outro lado, ao trabalhar os chakras, poderei auxiliar o meu equilíbrio, mas nunca nos devemos esquecer que a nossa consciência deve mudar. Sem mudança de hábitos e consciência, os padrões repetem-se.

Fechar e Abrir chakras

Fechar e abrir chakras significa que vou tomar em consideração o tamanho do meu chakra que será por volta de 15 a 20 centímetros. Tem essa medida em referência e coloca as duas mãos paralelas na horizontal ou vertical em cada chakra para medires como ele está.

  • Se estiver mais pequeno que 15 cm, então precisa de mais energia, precisa de se abrir;
  • Se estiver maior que 15 cm, então precisa de se fechar um pouco. Estar aberto não será bom, se todos os outros não estiverem também.

Existe uma grande diferença entre muita energia equilibrada e muita energia dispersa. Geralmente encontramos os seguintes chakras muito abertos:

  • Terceira visão – poderá trazer algumas perturbações na capacidade de ver interiormente e pensamentos desconexos;
  • Cardíaco – demasiado sensível, qualquer coisa poderá magoar o seu coração e sentimentos;
  • Plexo solar – muito emocional, com pouco poder pessoal, poderá ser facilmente manipulada por outra pessoa ou perder a sua energia, ou mesmo absorver demasiada energia densa envolvente.

fechar e abrir chakras

Como praticante de Reiki deves fazer o seguinte para equilibrares os chakras:

  • Autotratamento – é o que alinha e equilibra os chakras. Fica o tempo que for necessário em cada posição;
  • Com as tuas mãos, leva os chakras a ter o tamanho que devem ter;
  • Observa as tuas questões nesses chakras, lê em Reiki Guia para uma Vida Feliz os seus significados e como os podes tratar;
  • Desintoxica sempre que necessário usando o Heso Chiryo;
  • Pratica o Joshin Kokyu ho, no caso de necessitares de revitalização.

Lembra-te que os chakras fazem parte de ti, como o teu braço e mão, aprende a “controlá-los” e a trabalhar com eles.

Nota: Chakra mais fechado não é o mesmo que chakra bloqueado. Este último significa que a energia não está a fluir para ele por a pessoa o ter fechado, possivelmente por um trauma.

Autor: João Magalhães

Sou Designer, Mestre, Terapeuta de Reiki, Mestre de Karuna, Presidente da Associação Portuguesa de Reiki e co-fundador do CENIF. Autor dos livros «Reiki Guia para uma Vida Feliz», «O Grande Livro do Reiki» e «Reiki - Elevação da Consciência». Professor de Meditação Terapêutica Integral. Acima de tudo quero partilhar contigo o porquê de Reiki ser a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade».

Partilhar

Deixe um comentário